Começando com uma carreira em marketing: tudo que você precisa saber

Começando com uma carreira em marketing: tudo que você precisa saber

Vamos considerar um exemplo de uma marca de lápis, ou seja, Apsara Pencils. A maioria de nós notou que eles inscreveram o slogan da marca “Extra Dark for Good Handwriting” no próprio lápis. A intenção por trás disso é fazer com que as pessoas se concentrem na escuridão do lápis, o que nos dará uma boa caligrafia. O anúncio que mostra ‘marcas extras para uma boa caligrafia’ é muito claro ao comunicar o benefício que a marca está oferecendo. Agora, sempre que alguém diz “extra escuro”, no caso de lápis, automaticamente pensamos em lápis Apsara. Isso é marketing para você!

O mundo do marketing abrange publicidade, relações públicas, branding, promoções e vendas por meio de plataformas sociais ou modos offline. Qualquer empresa pode oferecer os melhores produtos ou serviços do setor, mas nenhum dos clientes em potencial saberia disso se não tivessem sido comercializados adequadamente. São as estratégias de marketing que fazem a diferença e são consideradas o ingrediente mais importante para o sucesso de qualquer negócio. quer saber mais sobre marketing, acesse https://agenciafaz.com.br/

Teoricamente, o Marketing pode ser definido como a identificação dos padrões e tendências atuais em andamento e a compreensão da necessidade de quaisquer produtos e serviços e a utilização dos fatos para fazer correções relevantes sobre como os produtos são precificados/anunciados. Algumas das tarefas típicas que um profissional de marketing faria são:

  • Determinar a necessidade de produtos ou serviços específicos
  • Distinguir mercados potenciais para produtos ou serviços
  • Monitorar tendências e padrões atuais na sociedade
  • Desenvolvimento de estratégias de preços e vendas
  • Trabalhando com os departamentos de relações públicas, desenvolvimento de produtos, tecnologia e vendas.

O marketing é talvez o aspecto mais visível de um negócio. No entanto, existem certos mitos que cercam o domínio do marketing. Vamos abordá-los um de cada vez.

Mitos comuns sobre marketing

Mito – Marketing é uma nova abordagem para os negócios.

As estratégias de marketing foram usadas antes da revolução industrial. Naquela época, compradores e vendedores desfrutavam de um contato próximo e tentavam entender o que os clientes querem, por que querem e como querem o produto? Eles costumavam fazer o melhor para satisfazer suas necessidades e, portanto, o marketing é bastante antigo e não é algo desenvolvido hoje. Atualmente, as estratégias de marketing foram modificadas. Inúmeras abordagens, como marketing digital, pesquisa de mercado, otimização de mecanismos de pesquisa, pagamento por clique, métodos promocionais offline, como publicidade no rádio, televisão, etc., são usadas para expandir os negócios.

Mito – O marketing se preocupa apenas com publicidade e vendas de alta pressão.

O marketing é uma área ampla, que não envolve apenas publicidade e vendas de alta pressão, mas também inclui inovação, testes de mercado, pesquisa de mercado, promoção de produtos, relações públicas, marketing digital, redação de conteúdo etc.

O trabalho de um profissional de marketing é explicar uma empresa e seus serviços ou produtos ao público em geral. Como profissional de marketing, você deve ser capaz de explicar as necessidades e interesses da população-alvo e, em seguida, recomendar mudanças nos processos, atendimento ao cliente e produto. Um profissional de marketing de sucesso é aquele que pode aumentar a receita de uma empresa impulsionando as vendas.

Competências necessárias para desenvolver o marketing

Bem, se o domínio do marketing o excita, aqui estão algumas habilidades que podem ajudá-lo a prosperar no campo.

  1. Habilidades de Comunicação – É preciso ser bastante eficaz com a comunicação, pois o campo é sobre se comunicar com os clientes por meio de modos verbais ou escritos. O marketing inclui escrever conteúdo, criar campanhas multimídia, entender o design e ter uma noção geral de quem é o usuário final e o que ele deseja. É um domínio bastante divertido, criativo e emocionante.
  2. Habilidades de Pensamento Analítico- Marketing envolve uma compreensão do mercado, tendências atuais e muita análise baseada em pesquisa para determinar o que o público quer e precisa, por que quer e como quer que seja. Os profissionais de marketing geralmente são capazes de tirar conclusões lógicas com base em dados e outras informações recebidas.
  3. Habilidades criativas – Os profissionais de marketing precisam ser capazes de pensar em ideias novas, inovadoras e empolgantes que possam atrair seus clientes e aumentar as vendas de produtos/visibilidade da marca. Desde ter um olho para o design até criar conceitos divertidos, a capacidade de pensar fora da caixa é crucial no campo do marketing.
  4. Habilidades tecnológicas – Desde o uso de vários softwares para acompanhar o progresso de uma campanha-chave, até o uso de análises para medir o sucesso de campanhas de mídia social, trabalhar na função de marketing exigirá que você tenha conhecimento de informática decente e eficiência no Microsoft Office (Excel, Word , PowerPoint), Software de Análise de Dados, Search Engine Optimization (SEO), Pay-Per-Click (PPC), Redação de Vendas, Plataformas de Redação de Conteúdo, Design Gráfico, Otimização da Taxa de Conversão (CRO) etc.
  5. Habilidades de Negociação – Como profissional de marketing, você terá que negociar com os clientes orçamentos, prazos e expectativas. Você também precisaria trabalhar com designers e fornecedores, etc. e deveria ter a capacidade de conduzir uma barganha difícil, o que é uma grande parte do sucesso como profissional de marketing.
  6. Outras Habilidades Específicas – Estas são habilidades específicas individuais. Como um profissional de marketing de sucesso, você precisa ser multitarefa, escritor criativo, capacidade de interpretar dados, senso estético, olho para o design e atenção aos detalhes.

    Requisitos Educacionais para Prosseguir o Marketing

    Se você acredita que tem o conjunto de habilidades certo, aqui está um guia rápido para seguir uma carreira neste campo.

    Etapa 1: escolha qualquer fluxo na classe 12 (o comércio é recomendado)

    Você pode fazer qualquer stream em 10+2. No entanto, é recomendável usar o fluxo de comércio, pois isso o ajudará a desenvolver uma base acadêmica sólida para o mundo dos negócios. O Blog Agencia Faz detalha outras coisas importantes sobre o marketing, veja a seguir https://agenciafaz.com.br/blog/

    Etapa 2: buscar um diploma de bacharel em um campo relevante (BBA ou B.Com é recomendado)

    Os profissionais de marketing geralmente devem ter pelo menos um diploma de bacharel em um campo relevante. Seria recomendável buscar sua graduação em qualquer um dos dois.

Fonte de Reprodução: Getty Imagem

1. Bacharel em Administração de Empresas (BBM) ou Bacharel em Administração de Empresas (BBA)

A duração de ambos os cursos é de 3 anos. O conteúdo do curso é quase semelhante. A natureza do curso envolve o domínio do comércio e estabelece as bases para o ensino superior em comércio. Os temas centrais em ambos os cursos incluem Contabilidade, Gestão de Recursos Humanos, Marketing, Comportamento Organizacional, Habilidades de Comunicação, Gestão de Operações, Comércio Internacional e Direito Empresarial. Ambos os cursos ajudarão você a desenvolver habilidades de negócios e gerenciamento. No entanto, a principal diferença entre esses cursos é:

  • BBM- O curso envolve estudos administrativos e teóricos nas áreas de Contabilidade, Empreendedorismo, Finanças, Imobiliário, Gestão de Recursos Humanos, Negócios Internacionais, Tecnologia da Informação, etc. As principais faculdades/universidades que oferecem este curso são Shaheed Sukhdev College of Business Studies, University de Deli; Keshav Mahavidyalaya, Universidade de Delhi; Faculdade Deen Dayal Upadhyaya, Universidade de Delhi; Narsee Monjee College of Commerce and Economics, Mumbai etc.
  • BBA- O curso envolve estudos teóricos e de gestão nas áreas de Finanças, Gestão de Operações, Sistemas de Informação de Gestão, etc. As principais faculdades/universidades que oferecem este curso são o Indian Institute of Management, Indore; Universidade Guru Gobind Singh Indraprastha, Delhi; Simbiosis Institute of Business Management, Pune; Universidade de Cristo, Bangalore etc.

O ingresso nessas faculdades/universidades é feito por meio de vestibular e/ou entrevista realizada pelas respectivas faculdades/universidades.

2. Bacharel em Comércio (B. Com) ou Bacharel em Comércio (B.Com. H)

A duração do curso é de 3 anos. O conteúdo do curso é quase semelhante, mas a única diferença é que os alunos que têm matemática em 10+2 são elegíveis para fazer B.Com. (Hons.) e aqueles que não têm matemática são elegíveis para fazer B.Com. As principais faculdades/universidades que oferecem este curso são a Universidade de Delhi (Faculdades Múltiplas); Universidade de Mumbai (Várias Faculdades); Universidade de Cristo, Bangalore

A admissão através destas universidades é por mérito ou ingresso/entrevista realizado pelas respetivas faculdades/universidades.

Estudantes que buscam a graduação em diferentes áreas além dos cursos listados acima, como Engenharia, Aplicações Informáticas, Comunicação de Mídia, Gestão Hoteleira, Ciências Sociais, etc. também podem seguir a carreira de marketing. Eles têm que fazer mestrado em administração de empresas em seu nível de pós-graduação. Isso é discutido em detalhes na Etapa 3.

Fonte: https://pt.wikipedia.org/wiki/Marketing

10 dicas simples de marketing digital

Se a internet já era importante para os negócios, com a atual crise ela se retravou a única alternativa para muitos deles. Assim, o cerramento de lojas e o isolamento social para combater o covid-19 acertaram em cheio as empresas que atendiam apenas em pontos físicos. Dessa forma, a Marketing Digital que já era empregado por inúmeras empresas ao arrabalde do mundo desponta como uma ferramenta indispensável para empresas que buscam suavizar os impactos desta pandemia.

Acho que você vai concordar comigo quando digo que marketing digital – e todas as suas subcategorias, incluindo SEO, mídia social, criação de conteúdo, e-mail e muito mais – é fundamental para o crescimento da empresa em 2022. Quer saber mais sobre marketing digital, acesse https://www.seobh.org/

Com mais de quatro bilhões de usuários de Internet em todo o mundo e mais de 3,4 bilhões de usuários ativos de mídia social , é lógico que o marketing digital é vital para alcançar um público maior do que você poderia apenas com os métodos tradicionais.

Além disso, o marketing digital pode ajudá-lo a envolver melhor os clientes em potencial, transformá-los em leads e, finalmente, converter leads em clientes fiéis e satisfeitos.

No entanto, embarcar em uma jornada de marketing digital, principalmente como uma startup ou empresa menor com presença online limitada, pode ser esmagadora e frustrante às vezes.

Para ajudar a inspirar sua equipe de marketing e iniciar sua estratégia de marketing digital de 2022, cultivamos uma lista abrangente de dicas de marketing digital de profissionais de marketing aqui na Seo. Continue lendo para aprender as 12 dicas críticas que a Seo quer que você saiba antes de implementar ou refinar sua própria estratégia digital.

Dicas de Marketing Digital em meio à crise

1. Invista em presença on-line

Antes de pensar em estratégias on-line, avalie a corporatura atual da sua empresa na internet. Assim, se ela já está nas essenciais redes sociais, mas não tem um site, este é um bom momento para dar este novo passo. Além de evitar resultar, as pessoas estão mais conectadas do que antes. Para quem tinha pontos físicos e ainda não tem e-commerce, a dica é implementar um marketplace, que já oferece uma estrutura funcional.

2. Conheça o seu público

Conhecer seus clientes e adeptos é primordial para definir qualquer estratégia. Isso deslumbra desde mapear as insídias sociais que eles mais usam até bitolar seus gostos e preferências. Para isso, vale já colocar em prática uma ação desornado: fazer perguntas os eles. Dessa forma, a possibilidade de ouvi-los individualmente, é uma dos grandes vantagens das pequenas empresas em relação os grandes.

3. Ofereça conteúdos de valor

Um dos pilares da marketing digital é oferecer conteúdo aos clientes sem a intenção de venda imediata, apostando na construção de um levantamento que poderá trazer frutas futuros. Assim, a estratagema é ainda mais importante nesse momento, já que eles, assim como você, estão preocupados com o pandemia. Por isso, é hora de pegar mais leve nas estratégias e tentar colaborar com a população de alguma forma. Desse modo, o fortalecimento da marca virá como consequência.

4. Humanize sua marca

Expor os bastidores do seu comércio também pode ajudar a se concatenar melhor com os clientes e servir de base para apoiá-los. No caso de restaurantes atendendo por delivery, é importante mostrar que cuidados têm sido tomados na cozinha para evitar contaminações. Vale ainda compartilhar os dores do negócio, como o desafio de pagar as contas. Assim, uma boa conhecimento é fazer o frege de vouchers com descontos no site, fazendo com que usuários comprem para utilizá-los mais a fachada.

5. Considere investir em anúncios online

Embora a construção de aproximação a longo prazo seja essencial, estratégias de curto prazo ajudam a ganhar fôlego neste momento. Assim, uma dos possibilidades é investir em agoiros em plataformas online, como o Google e as redes sociais. Só colocá-los no ar, porém, não garante resultados. Dessa forma, é necessário comensurar os resultados a fim de ter arte do que este dando certo. Outra dica para quem este começando, é ir com calma e fazer investimentos gradativos.

6. Invista na geração de leads

Em suma, leads podem ser definidos como pessoas (ou empresas) que entraram em contato com sua empresa e têm potencial para se tornarem clientes. Mesmo que eles não fechem negócio agora, ter essa base de criaturas pode gerar resultados no médio e longo prazo. Assim, um dos meios usuais de gerar leads é oferecer algo de importância como um conteúdo por meio de uma descrição rápido.

7. Saiba para que você está fazendo marketing 

Para as PMEs, a decisão de investir no reconhecimento da marca ou na geração de leads pode ser complicada. Construir o conhecimento da marca significa aumentar o tamanho do seu público ao longo do tempo, enquanto a geração de leads é capturar rapidamente o interesse de um grupo seleto de clientes em potencial. Idealmente, os dois devem trabalhar juntos para reforçar a estratégia geral de marketing digital, já que ambos são cruciais para o avanço de um negócio. O Blog Seo detalha como funciona o marketing digital, veja a seguir https://www.seobh.org/category/blog/

Fonte de Reprodução: Getty Imagem

8. Combine seu conteúdo com todas as etapas da jornada do comprador.

Alex Girard, gerente associado de marketing de produtos da HubSpot, diz: “Pessoalmente, acho que um grande momento ‘Ah-ha’ para nossos clientes ao falar sobre estratégia de anúncios é quando dizemos que eles precisam combinar sua oferta de conteúdo com um momento em a jornada do comprador. Não faz sentido segmentar um anúncio de demonstração de vendas para alguém no estágio de reconhecimento. Também não faz sentido segmentar uma oferta de estágio de reconhecimento, como uma postagem de blog recomendada, para alguém que está pronto comprar.”

9. Não escreva apenas sobre seus produtos ou serviços.

Karla Cook, gerente sênior da equipe de blogs da HubSpot, aconselha: “Não escreva apenas sobre seus produtos ou serviços em seu blog. Isso pode alienar imediatamente qualquer pessoa que ainda não esteja perto de comprar. Em vez disso, invista tempo em aprender sobre o interesse do seu público-alvo e desenvolver conteúdo que alinhe esses interesses com o que sua marca pode oferecer. Por exemplo, se você estiver vendendo cafeteiras, poderá criar uma série de blogs que analise diferentes maneiras de melhorar sua rotina matinal .”

10. Concentre-se no longo prazo.

Jeff Vocell, um comerciante de produtos da HubSpot, sugere: “Concentre-se no prazer, não na aquisição míope. Sou um profissional de marketing e entendo a pressão para entregar leads para vendas a cada mês. Mas empregar táticas míopes que geram alguns atenção e pode resultar em um pico momentâneo, em última análise, não fará com que você ou seus clientes tenham sucesso a longo prazo. Como profissionais de marketing, devemos nos concentrar em gerar demanda por meio de campanhas úteis e centradas no cliente.”

Dito isso, há momentos em que é importante focar mais no reconhecimento da marca – especialmente quando um negócio está apenas começando. Construir o reconhecimento da marca é uma ótima maneira de estabelecer as bases para a geração de leads. E um aumento nos leads de qualidade significa um aumento nas vendas.

                     

Fonte:  https://pt.wikipedia.org/wiki/Marketing_digital

Seo Google

SEO é o acrônimo em inglês de “otimização do recursos de pesquisa” ou “otimizador do mecanismo de pesquisa”. A contratação de um SEO é uma decisão importante que pode aperfeiçoar seu site e poupar tempo, mas você também corre o risco de atravancar seu site e sua reputação. Conheça as possíveis vantagens, bem como os danos que uma SEO feita de forma irresponsável pode causar ao site. Muitos SEOs e outros consultores e agências oferecem serviços úteis para detentores de sites, incluindo:

consultoria técnica sobre desenvolvimento de sites: por exemplo, hospitalidade redirecionamentos, páginas de erro grotesco. uso do JavaScript;

Como funciona o SEO?

Mecanismos de busca como Google e Bing usam bots para rastrear páginas na web, indo de um site para outro, coletando informações sobre essas páginas e colocando-as em um índice. Pense no índice como uma biblioteca gigante onde um bibliotecário pode puxar um livro (ou uma página da web) para ajudá-lo a encontrar exatamente o que você está procurando no momento. Quer saber mais sobre SEO, acesse nosso blog www.seobh.org

Em seguida, os algoritmos analisam as páginas do índice, levando em consideração centenas de fatores ou sinais de classificação, para determinar a ordem em que as páginas devem aparecer nos resultados da pesquisa para uma determinada consulta. Em nossa analogia com a biblioteca, o bibliotecário leu todos os livros da biblioteca e pode dizer exatamente qual deles terá as respostas para suas perguntas.

Nossos fatores de sucesso de SEO podem ser considerados proxies para aspectos da experiência do usuário . É como os robôs de pesquisa estimam exatamente quão bem um site ou página da web pode fornecer ao usuário o que ele está procurando. 

Ao contrário dos anúncios de busca pagos , você não pode pagar aos motores de busca para obter classificações de busca orgânica mais altas, o que significa que os especialistas em SEO têm que trabalhar. É aí que entramos.

Nossa Tabela Periódica de Fatores de SEO organiza os fatores em seis categorias principais e pondera cada uma com base em sua importância geral para o SEO. Por exemplo, a qualidade do conteúdo e a pesquisa de palavras-chave são fatores-chave para a otimização do conteúdo, e a capacidade de rastreamento e a velocidade são fatores importantes da arquitetura do site.

A recém-atualizada Tabela Periódica de SEO também inclui uma lista de Toxinas que prejudicam as práticas recomendadas de SEO. Esses são atalhos ou truques que podem ter sido suficientes para garantir uma alta classificação na época em que os métodos dos motores eram muito menos sofisticados. E, eles podem até funcionar por um curto período de tempo agora – pelo menos até você ser pego.

Também temos uma nova seção Nichos que investiga profundamente os fatores de sucesso de SEO por trás de três nichos principais: SEO local, Notícias / Publicação e SEO de comércio eletrônico. Embora nossa Tabela Periódica de SEO geral ajude você com as melhores práticas, conhecer as tonalidades de SEO para cada um desses nichos pode ajudá-lo a ter sucesso nos resultados de pesquisa para sua pequena empresa, blog de receitas e / ou loja online.

Os algoritmos de pesquisa são projetados para exibir páginas relevantes e autorizadas e fornecer aos usuários uma experiência de pesquisa eficiente. Otimizar seu site e conteúdo com esses fatores em mente pode ajudar suas páginas a ter uma classificação mais elevada nos resultados de pesquisa.

Fonte de Reprodução: Getty Images

Por que o SEO é importante para o marketing?

O SEO é uma parte fundamental do marketing digital porque as pessoas realizam trilhões de pesquisas todos os anos, geralmente com a intenção comercial de encontrar informações sobre produtos e serviços. A pesquisa costuma ser a principal fonte de tráfego digital para marcas e complementa outros canais de marketing. Maior visibilidade e classificação mais alta nos resultados de pesquisa do que a concorrência podem ter um impacto material em seus resultados financeiros.

No entanto, os resultados da pesquisa têm evoluído nos últimos anos para fornecer aos usuários respostas e informações mais diretas, com maior probabilidade de mantê-los na página de resultados em vez de direcioná-los a outros sites.

Observe também que recursos como pesquisa aprimorada e Painéis de conhecimento nos resultados da pesquisa podem aumentar a visibilidade e fornecer aos usuários mais informações sobre sua empresa diretamente nos resultados.

Em suma, o SEO é a base de um ecossistema de marketing holístico. Quando você entende o que os usuários do seu site desejam, pode implementar esse conhecimento em suas campanhas (pagas e orgânicas), em seu site, em suas propriedades de mídia social e muito mais.

Outros

Anunciar no Google não terá qualquer efeito na influencia do seu site em nossos resultados de pesquisa. O Google nunca aceita dinheiro para incluir ou categorizar sites nos resultados de pesquisa. Não há custos para aparecer em nossos resultados de pesquisa orgânica. Recursos grátis como o Search Console, o Blog da Central do webmaster oficial e nosso Fórum de discussão podem disponibilizar a você muitas informações sobre como otimizar seu site para pesquisa orgânica.

Se você administrar uma pequeno empresa local, provavelmente poderá fazer muito do trabalho desajudado. Aqui estão alguns bons recursos:

O Guia de SEO para investidores descreve muito do que o SEO fará por você. Embora você não precise conhecer bem esse guia se estiver contratando um profissional para fazer o trabalho, é bom conhecer essas técnicas para que você possa identificar quando um SEO deseja usar uma tecnica não recomendada ou, pior, contraindicada.

Levará tempo para você ver os resultados: normalmente, de quatro meses a um ano a partir do momento em que você começa a fazer alterações até começar a ver os benefícios.

Se você estiver pensando em contratar um SEO, faça isso o quanto antes. Um bom momento para a a admissaõ é quando você estiver pensando em mudar o design ou estudando lançar um novo site. Dessa maneira, você e seu SEO podem garantir que seu site seja criado para ser conveniente para mecanismos de pesquisa do início ao fim. Entretanto, um bom SEO também pode ajudar a aprimorar um site presente.

Comprometa-se a implementar as mudanças Recomendadas Fazer as alterações recomendadas por um SEO exige tempo e esforço. Caso você não esteja disposto a fazer essas mudanças, não vale a pena contratar um profissional.

Como me comunicarei com você? Você me informará sobre todas as alterações feitas no meu site e fornecerá informações detalhados sobre suas recomendacoes e a lógica por trás delas?

Veja se o SEO está interessado em você e na sua empresa. Se não se encontrem  interessados, Localize alguém que esteja. Seu SEO deve fazer perguntas como:

Verifique as referências de negócios do SEO. questione aos clientes anteriores se eles achavam que esse SEO oferecia um serviço útil, era bom parceiro de trabalho e fazia resultados positivos.

Peça uma auditoria técnica e de pesquisa do seu site para saber o que eles acham que precisa ser feito, por que e qual deve ser o resultado aguardado.

Você provavelmente terá que pagar por isso e conceder acesso limitando leitura a seu site no Search Console. (Nesse estágio, não conceda acesso de gravação.) Seu SEO em potencial deve ser capaz de fornecer estimativas efetiva, de melhoria e uma estimativa do trabalho envolvido. Caso eles garantam que as alterações forneçam o primeiro lugar nos resultados da pesquisa. Procura outra pessoa.

Fonte de Reprodução: Getty Images

O que significa “PPC” e por que posso precisar dele?

O Google Ads é a solução de publicidade de pagamento por clique (PPC) do Google, que permite que empresas e proprietários de sites como você dêem lances na chance de exibir anúncios ao lado de pesquisas no Google.com, exatamente quando as pessoas estiverem procurando o que você precisa oferta. Você só paga quando alguém clica em seu anúncio para visitar seu site ou ligar para sua empresa, e os anúncios oferecem a oportunidade de ser notado por um público mais amplo on-line. Além disso, você pode ajustar seus anúncios a qualquer momento para alcançar um grupo específico de pessoas (por interesse, área geográfica etc.) ou promover uma oferta ou produto específico. Esse imediatismo pode ser um ótimo recurso para pequenas empresas que não podem atualizar seu SEO com frequência para refletir vendas, promoções ou mudanças sazonais em suas ofertas.

O Google Ads também oferece a opção de promover sua empresa fora da Pesquisa Google, exibindo anúncios em sites relevantes na Rede de Display do Google (GDN). A GDN é composta por milhares de sites na Web, onde você pode se conectar com ainda mais clientes em potencial. Você pode escolher sites específicos da rede ou escolher os tipos de pessoas que deseja alcançar e permitir que o Google Ads crie uma lista para você.

Uma solução de anúncios PPC como o Google Ads não tem os mesmos resultados que SEO e não melhorará suas classificações de pesquisa orgânica. Mas, por causa de sua flexibilidade, o Google Ads pode ajudar empresas de todos os tamanhos a chamar a atenção das pessoas on-line nos momentos importantes, ou seja, no momento exato em que estão procurando uma empresa como a sua.

Fonte: https://en.wikipedia.org/wiki/Search_engine_optimization

Veja como funciona o marketing de conteúdo

O marketing de conteúdo funciona oferecendo aos leitores material informativo e útil que fornece informações e valor. Usando blogs, e-books, postagens em mídias sociais, gráficos e vídeos, o marketing de conteúdo atrai clientes em potencial, os mantém engajados e os leva mais longe no funil de vendas.

Em 2019, 76% dos profissionais de marketing adotaram uma abordagem estratégica para gerenciar o conteúdo . Em outras palavras, eles usam uma abordagem que formaliza os processos, pessoas e tecnologias necessárias para dimensionar e entregar conteúdo. Os principais objetivos de uma estratégia de marketing de conteúdo são:

  • Melhorando a experiência do cliente.
  • Gerar e nutrir leads de negócios.
  • Apoiar os objetivos e critérios da organização para o sucesso.

À medida que mais organizações usam marketing de conteúdo, uma abordagem estratégica é necessária para maximizar o retorno sobre o investimento.

Fonte de reprodução: Getty imagens

O que é marketing de conteúdo?

Como consumidor, você provavelmente notou que o marketing tradicional não é tão eficaz quanto era no passado. Atualmente, os anúncios de TV e rádio geralmente consistem em pouco mais do que um non-sequitur, uma piada e um logotipo de empresa. E quanto mais os anunciantes tentam ser engraçados, mais o público se encolhe.

É a mesma história online.

Aproximadamente 40% dos usuários da Internet implantam um bloqueador de anúncios em pelo menos alguns de seus dispositivos. Enquanto isso, 84% dos millennials, que constituem o maior grupo de consumidores, dizem que não gostam ou não confiam no marketing tradicional .

O marketing de conteúdo supera os desafios associados aos métodos tradicionais, iniciando conversas, em vez de simplesmente declarar uma proposta de valor exclusiva de uma oferta:

  • Um anúncio tradicional diz aos consumidores o que uma empresa faz e como o faz.
  • O marketing de conteúdo compartilha conhecimento e percepções acionáveis ​​que ajudam os consumidores a entender por que devem agir.

Como parte de uma estratégia de marketing, o conteúdo pode assumir várias formas, que discutiremos em detalhes a seguir. Não importa a forma que o conteúdo assuma, ele é mais eficaz quando responde a perguntas, fornece insights profundos e coloca o leitor – não o produto – no centro das atenções.

Fonte de reprodução: Getty imagens

Por que usar marketing de conteúdo?

Porque funciona. Em comparação com as táticas de marketing tradicionais, o marketing de conteúdo é melhor na criação de valor para consumidores e marcas. Alguns dos principais benefícios do marketing de conteúdo incluem:

  • Engajamento do cliente: conteúdo como blogs e páginas de destino captura o tráfego da web de pesquisa orgânica, redes de mídia social e outras fontes, como eventos ao vivo.
  • Conscientização da marca e liderança inovadora : um conteúdo bem pensado pode estabelecer sua marca como uma líder reconhecida do setor.
  • Geração e incentivo de leads: as campanhas de conteúdo mantêm os clientes em potencial interessados ​​e engajados em todo o ciclo de vendas.
  • Capacitação de vendas: Os esforços de marketing de conteúdo apóiam as conversas de vendas, fornecendo aos clientes em potencial conhecimentos e dados importantes.

Esses benefícios podem se traduzir em qualquer tipo de indústria, em qualquer mercado. Quando você conhece bem seus clientes, pode criar um conteúdo envolvente que apóia seus objetivos de negócios.

Fonte de reprodução: Getty imagens

O que os profissionais de marketing de conteúdo fazem?

O marketing de conteúdo eficaz utiliza várias habilidades distintas para criar campanhas coesas. Os melhores profissionais de marketing de conteúdo trabalham em equipes nas quais podem contar com a experiência de várias pessoas.

O melhor plano de marketing de conteúdo da classe pode exigir as seguintes habilidades:

  • Experiência no assunto: Os profissionais de marketing de conteúdo conduzem pesquisas profundas sobre as tendências do setor, pontos fracos do cliente e condições do mercado. Eles utilizam fontes impressas e digitais, bem como entrevistas com especialistas estabelecidos.
  • Branding: os profissionais de marketing precisam conhecer a voz e a personalidade da marca como se fossem suas. Eles geralmente criam e mantêm guias de estilo.
  • Otimização do mecanismo de pesquisa: os criadores de conteúdo aproveitam as ferramentas de palavras-chave e tecnologias semelhantes para garantir que seu trabalho seja fácil de encontrar nas páginas de resultados do mecanismo de pesquisa.
  • Estratégia e análises: os profissionais de marketing desenvolvem estratégias de campanha em torno de temas, tipos de ativos e promoções. Cada campanha deve ser rastreada e monitorada para que qualquer insight obtido possa informar – e melhorar – a próxima. Os estrategistas usam o Google Analytics para identificar quais ativos estão funcionando bem e quais precisam ser refinados.

Fonte: https://www.r7.com