Veja como funciona o marketing de conteúdo

O marketing de conteúdo funciona oferecendo aos leitores material informativo e útil que fornece informações e valor. Usando blogs, e-books, postagens em mídias sociais, gráficos e vídeos, o marketing de conteúdo atrai clientes em potencial, os mantém engajados e os leva mais longe no funil de vendas.

Em 2019, 76% dos profissionais de marketing adotaram uma abordagem estratégica para gerenciar o conteúdo . Em outras palavras, eles usam uma abordagem que formaliza os processos, pessoas e tecnologias necessárias para dimensionar e entregar conteúdo. Os principais objetivos de uma estratégia de marketing de conteúdo são:

  • Melhorando a experiência do cliente.
  • Gerar e nutrir leads de negócios.
  • Apoiar os objetivos e critérios da organização para o sucesso.

À medida que mais organizações usam marketing de conteúdo, uma abordagem estratégica é necessária para maximizar o retorno sobre o investimento.

Fonte de reprodução: Getty imagens

O que é marketing de conteúdo?

Como consumidor, você provavelmente notou que o marketing tradicional não é tão eficaz quanto era no passado. Atualmente, os anúncios de TV e rádio geralmente consistem em pouco mais do que um non-sequitur, uma piada e um logotipo de empresa. E quanto mais os anunciantes tentam ser engraçados, mais o público se encolhe.

É a mesma história online.

Aproximadamente 40% dos usuários da Internet implantam um bloqueador de anúncios em pelo menos alguns de seus dispositivos. Enquanto isso, 84% dos millennials, que constituem o maior grupo de consumidores, dizem que não gostam ou não confiam no marketing tradicional .

O marketing de conteúdo supera os desafios associados aos métodos tradicionais, iniciando conversas, em vez de simplesmente declarar uma proposta de valor exclusiva de uma oferta:

  • Um anúncio tradicional diz aos consumidores o que uma empresa faz e como o faz.
  • O marketing de conteúdo compartilha conhecimento e percepções acionáveis ​​que ajudam os consumidores a entender por que devem agir.

Como parte de uma estratégia de marketing, o conteúdo pode assumir várias formas, que discutiremos em detalhes a seguir. Não importa a forma que o conteúdo assuma, ele é mais eficaz quando responde a perguntas, fornece insights profundos e coloca o leitor – não o produto – no centro das atenções.

Fonte de reprodução: Getty imagens

Por que usar marketing de conteúdo?

Porque funciona. Em comparação com as táticas de marketing tradicionais, o marketing de conteúdo é melhor na criação de valor para consumidores e marcas. Alguns dos principais benefícios do marketing de conteúdo incluem:

  • Engajamento do cliente: conteúdo como blogs e páginas de destino captura o tráfego da web de pesquisa orgânica, redes de mídia social e outras fontes, como eventos ao vivo.
  • Conscientização da marca e liderança inovadora : um conteúdo bem pensado pode estabelecer sua marca como uma líder reconhecida do setor.
  • Geração e incentivo de leads: as campanhas de conteúdo mantêm os clientes em potencial interessados ​​e engajados em todo o ciclo de vendas.
  • Capacitação de vendas: Os esforços de marketing de conteúdo apóiam as conversas de vendas, fornecendo aos clientes em potencial conhecimentos e dados importantes.

Esses benefícios podem se traduzir em qualquer tipo de indústria, em qualquer mercado. Quando você conhece bem seus clientes, pode criar um conteúdo envolvente que apóia seus objetivos de negócios.

Fonte de reprodução: Getty imagens

O que os profissionais de marketing de conteúdo fazem?

O marketing de conteúdo eficaz utiliza várias habilidades distintas para criar campanhas coesas. Os melhores profissionais de marketing de conteúdo trabalham em equipes nas quais podem contar com a experiência de várias pessoas.

O melhor plano de marketing de conteúdo da classe pode exigir as seguintes habilidades:

  • Experiência no assunto: Os profissionais de marketing de conteúdo conduzem pesquisas profundas sobre as tendências do setor, pontos fracos do cliente e condições do mercado. Eles utilizam fontes impressas e digitais, bem como entrevistas com especialistas estabelecidos.
  • Branding: os profissionais de marketing precisam conhecer a voz e a personalidade da marca como se fossem suas. Eles geralmente criam e mantêm guias de estilo.
  • Otimização do mecanismo de pesquisa: os criadores de conteúdo aproveitam as ferramentas de palavras-chave e tecnologias semelhantes para garantir que seu trabalho seja fácil de encontrar nas páginas de resultados do mecanismo de pesquisa.
  • Estratégia e análises: os profissionais de marketing desenvolvem estratégias de campanha em torno de temas, tipos de ativos e promoções. Cada campanha deve ser rastreada e monitorada para que qualquer insight obtido possa informar – e melhorar – a próxima. Os estrategistas usam o Google Analytics para identificar quais ativos estão funcionando bem e quais precisam ser refinados.

Fonte: https://www.r7.com

Seguro de automóveis: por que devo contratar

De acordo com relatório da firma Mundial de Saúde (OMS, o Brasil aparece em 5º emprego entre os países recordistas em mortes na passagem, registrando mais de 37 mil em 2016, ano do último ereção feito pelo Sistema de informações sobre Mortalidade, do ministério da Saúde. Esses são dados alarmantes, que ficam ainda piores quando associados a quantidade de pequenas infrações ignoradas pelas estatísticas.

Nesse caso, o fato é que dirigir sempre nos deixa expostos a riscos e, por isso, é tão importante ocupar-se com a proteção e as condições do seu veículo. Pensando nesse cenário, a fim de proteger-se e oferecer maior salvamento a todos ao sua circunvizinhança, contratar um seguro de automóveis se torna algo essencial.

O que é e como funciona o seguro de automóveis

O seguro de automóveis é firmada entre o cliente e a seguradora, intermediada por uma corretora de seguros devidamente credenciada, a qual tem a meta de proteger seu veículo e garantir a indenização em caso de furto ou danos cobertos pela contratação. Com ele, é possível ter mais tranquilidade, protegendo financeiramente o seu carro, você mesmo e o além disso passageiros.

Quanto ao valor do benefício, a seguradora se encarga de realizar um análise do seu perfil e avaliar qual é o melhor opção de serviço, de acordo com suas necessidades. São 4 os gêneros de seguros de automóveis:

  • seguro de patrimônio: incêndio, roubo ou furto e colisão são as principais coberturas a serem contratadas, pois com elas se consegue resguardar das principais ocorrências;
  • de terceiros: o foco dessa cobertura são os danos materiais e corporais causados a outras pessoas envolvidas em acidentes. Existe a possibilidade de cobertura para danos morais, mas por não ser obrigatório fica a critério do cliente a sua contratação;
  • de acidente de passageiros: apesar de não ser obrigatório para carros de passeio, ele é muito importante por garantir uma indenização aos passageiros no caso de um acidente;
  • seguro compreensivo: considerado o mais completo, além de incluir todas as coberturas anteriores, ainda pode contar com outros tipos de assistências adicionais a serem contratadas pelo cliente.

É importante ressaltar que os cataclismos são cobertos pela igual apenas quando ocorridos dentro da vigência do acordo do seguro, de acordo com suas cláusulas. Além disso, caso não ocorra nenhum sinistro durante a vigência do seguro, é atribuído um desconto por meio dos bônus, tornando menor a polpa a ser pago na renovação. Vale ressaltar que o emprego de algumas das assistências, como guincho por exemplo.

Por que os valores variam tanto

É certo que cada tipo de certo tem um custo variável. Porém, é importante farejar que isso não se deve apenas aos diferentes tipos de coberturas, mas, também, os muitos outros fatores que aguentem afetar a cotação, como o índice de ocorrências de sinistro, por exemplo. Essa taxa de circunstâncias de incidentes, juntamente o análise do perfil do cliente, influencia diretamente no preço final. Além disso, é preciso levar em conta que cada seguradora estabelece critérios próprios, sendo esse um das principais pontos que fazem a polpa variar tanto.

Questões como: modelo e ano do carro, franquia escolhida, se a condução fica estacionado em garagem, também interferem no custo final do seguro. afinal, esses fatores ajudam a estabelecer um perfil de uso do veículo e a reconhecer suas principais características. Outro ponto relevante é a perfil do condutor, ou seja, pessoas que apresentam hábitos arriscados têm maiores chances de se envolverem em acidentes. Em razão disso, elas costumam pagar um valor mais abrangente, o qual é caro pela seguradora, levando em conta alguns fatores como:

  • estado civil.
  • idade.
  • quantidade de condutores.

FONTE: https://g1.globo.com/

FONTE: https://www.r7.com/

FONTE: https://www.terra.com.br/noticias/

FONTE: https://noticias.uol.com.br/