Como captar clientes para gráfica

Hoje em dia, a rivalidade gráfica encontra-se cada vez maior. Perante disso, está cada vez mais complicado encontrar como gerar e fidelizar clientes para a sua gráfica, não é mesmo?

Sabemos que o sucesso de qualquer empresa depende especialmente de alcançar e agradar os clientes.

No ataque gráfico isto é também mais fundamental, uma vez que há um alto valor reunido nos produtos.
Neste texto vou mostrar 7 técnicas infalíveis para você alcançar mais clientes e reforçar as vendas em sua gráfica. São dicas simples e fáceis de introduzir, no entanto, que são capazes de auxiliar seu negócio a crescer depressa. Quer saber mais, acesse https://guiajampa.com.br/

Pretende um malogro?

Uma das negócios mais essenciais para as noivas é o boda de casamento.

No entanto, elas contem várias perguntas sobre papéis, gramaturas e mais detalhes, dessa forma costumam utilizar sites e comunidades na internet para associar suas ideias e dúvidas com outras noivas.

Um lugar perfeito para prospectar clientes, não acha?

Se você faz decorações para festas infantis, a orientação é ficar ligado nas tendências de desenhos infantis, e dessa maneira fazer produtos para encantá-las.

A vontade da história é:

É necessário supervisionar no qual o público-alvo da sua gráfica está, e o que ele de fato necessita.

Use parte do seu orçamento para saber bem as indivíduos que irão adquirir os seus produtos.
Quanto mais você produz laços com as indivíduos, mais o seu serviço será completo, e de modo consequente os clientes percebem o valor em sua oferenda.

Dessa forma a você pode prospectar os clientes no qual eles estão, e gerar quem possui ambição nos seus produtos.

Analise os concorrentes

Depois de saber o seu cliente e saber os seus anseios, é necessário supervisionar o que a rivalidade, direta ou dichote, faz.
Saber o mercado vai realizar muita diferença na momento de definir como prospectar e gerar clientes para sua gráfica.

Pretende saber por quê?

Visto que no momento em que você entrar em contato com um possível cliente, já conhecerá as forças e fraquezas dos concorrentes, e dessa maneira vai estar mais hábil para a negociação.

Além disso, uma avaliação bem feita do mercado pode contar no qual seu negócio está falhando, em correlação aos concorrentes.

Estude os elementos externos e internos que são capazes de controlar no crescimento de vendas e a apreensão de clientes dos concorrentes.

Estes elementos são capazes de ser:

Localização ;
Pleito ;
Estrutura ;
Equipamentos.

Seja claro quanto ao seu valor

Seu valor para clientes em potencial é o que o diferencia da concorrência. Quando você puder comunicar claramente o valor que fornece, terá mais chances de conquistar mais clientes freelance.

A primeira coisa a se perguntar é qual é realmente o seu valor. Comece fazendo a si mesmo as seguintes perguntas:

  • Que resultados seus clientes anteriores obtiveram de projetos que você fez para eles?

  • Que experiência você tem que é única para você?

  • O que você tem a oferecer que outros designers gráficos não oferecem?

Por exemplo, se você tiver experiência direta trabalhando em um setor específico (ou seja, assistência médica, fin-tech, estilo de vida etc.), terá mais valor para os clientes desse setor porque entenderá melhor suas necessidades.

Considere qual é o seu valor e, em seguida, decida como você pode comunicá-lo mais claramente. Isso pode ser por meio da exibição de prêmios em seu portfólio de design, incluindo resultados específicos de projetos anteriores ou aproveitando sua experiência em seus arremessos e propostas.

Falando em propostas, é uma boa ideia ter um serviço onde você possa criar e organizar toda a sua papelada, desde propostas, contratos, faturas, até seus impostos. Softwares como  o Bonsai  oferecem aos freelancers uma plataforma fácil de usar para gerenciar sua papelada, seus projetos e muito mais.

Peça recomendações

Se você tem clientes satisfeitos, peça referências ou recomendações. Deixe-os saber que você está sempre aberto a conversar com novos clientes e aprecie suas referências.

Dependendo dos serviços exatos que você oferece, você pode até configurar um programa oficial de referência ou afiliado.

Embora possa parecer inicialmente que um cliente não gostaria de encaminhá-lo para sua concorrência em potencial, lembre-se de que a maioria das empresas tem parcerias de trabalho com todos os tipos de fornecedores e outras organizações. Embora eles possam não dizer à concorrência para usar seus serviços, eles podem indicar seus fornecedores ou outros contatos comerciais para você.

Há valor em fornecer boas referências no desenvolvimento de relacionamentos comerciais.

“Encontrar trabalho no começo é difícil, mas quando você o encontra, acontece um efeito de bola de neve. Seus clientes são amigos de outras pessoas que fazem coisas incríveis e se você os tratar bem, fizer um bom trabalho e pedir que eles o encaminhem, eles geralmente o farão.” — Katie Cooper, diretora criativa freelancer

Certifique-se de que seu portfólio seja o melhor possível

Seu  portfólio de design gráfico  é um dos ativos mais valiosos que você tem para conquistar novos clientes.

Certifique-se de mostrar seu  melhor trabalho lá e reserve um tempo para explicar cada projeto. Fale sobre qual era o seu papel no projeto, qual era o problema de design e como você o resolveu.

Compartilhe seu portfólio por toda parte. Adicione novos projetos regularmente (mas lembre-se de que você não precisa adicionar  todos os  projetos em que trabalha; apenas os melhores exemplos).

O tempo que você gasta em seu portfólio pagará dividendos na construção de confiança com clientes em potencial.

Por no qual devo iniciar?

A partir de ferramentas de procura na internet, como o Google, você pode investigar as gráficas com trabalho parecido ao seu negócio, seja pelo público, localização ou serviços prestados.
Além disso, frequentar com clientes dos concorrentes e ter um networking ligado é bastante fundamental neste ataque. No blog Guia Jampa detalha como funciona muitos outro assuntos e servições, veja a seguir https://guiajampa.com.br/

Como está a comunicação com os seus clientes?

Você pode atingi-los de maneira eficaz? Ou será que eles prestam mais atenção em sua rivalidade?
Seus produtos e ofertas são do ambição deles?
Essas são as principais perguntas para se realizar no momento em que o assunto é atração de clientes para gráficas.

Aquilo que se faz de marketing planejadas, e até pontuais, são o grande diferencial de qualquer empresa hoje em dia.

Saber surgir, estar antenado ao seu aproximadamente, faz com que você esteja um passo a frente do seu coexistente.

Porém, afinal de contas, qual é a melhor maneira de me comunicar com os meus clientes?

Uma tentação é a obra de e-mails marketing. Dessa forma, aqueles que compram com você receberão ofertas exclusivas.

Dessa maneira, você preserva o contato regular com o cliente

A comercial clássico similarmente funciona bem para gerar os clientes locais.

Especialmente as propagandas no exterior da sua gráfica e locais próximos.

A maior parte das companhias hoje está conectada no mundo digital.

Não fique para após, invista no universo na internet. Construa relacionamentos com o seu público a partir de redes sociais, sites ou blogs.

Fonte de Reprodução: Getty Images

Avalie seu local interno

Não basta somente observar e investigar a rivalidade ao seu aproximadamente.
Esteja ligado e revise frequentemente os seus pontos fortes e fracos internos, de acordo com as confrontos.

Os principais equívocos internos das gráficas são:

Local desorganizado: A disposição da gráfica impacta de modo direto no performance da fabricação. Organize seu local com base no movimento de trabalho para otimizar os processos;
Equipamentos incorretos: Várias gráficas investem nos equipamentos errados para o tipo de produto que desejam realizar, isto acaba aumentando o esforço de impressão e dificultando o desenvolvimento da empresa.

Saiba gratular e pagar o potencialidade da sua equipe para que todos trabalhem em equilíbrio e com o mesmo propósito.

Invista na qualidade

A grande proveito de uma gráfica é conseguir oferecer produtos com alto valor reunido.
Que os clientes não se importam em pagar mais caro, uma vez que há um valor choramingas bastante grande.

Pesquisas indicam que: Clientes satisfeitos fazem propaganda boa para quase 4 indivíduos, enquanto clientes insatisfeitos fazem propaganda repulsa para, ao menos, 11 indivíduos.

Alguns gráficos insistem em adquirir equipamentos antigos e fora de série.

O esforço do investimento é menor, porém o quantidade de fabricação da gráfica diminui, uma vez que os equipamentos antigos já estão com a tecnologia desgastada.

                     

Fonte: https://pt.wikipedia.org/wiki/Gr%C3%A1fica

Quando seus pneus devem se aposentar?

Não importa quão novo seja o seu pneu, recomenda verificar a pressão de enchimento todos os meses e agendar inspeções regulares com um profissional. Após cinco anos, uma inspeção é essencial para determinar se um pneu ainda é adequado para uso na estrada.

Recomendamos que os pneus fabricados há 10 anos (ou mais) sejam retirados de serviço e substituídos por pneus novos. O mesmo vale para o sobressalente. Se tiver 10 anos, precisa ser substituído, mesmo que pareça novo.

É importante notar que a idade de um pneu não é o único indicador de que ele precisa ser substituído. Muitos pneus precisarão ser substituídos antes dos 10 anos de idade devido ao desgaste rotineiro da banda de rodagem e outras condições, como furos, danos por impacto, inflação inadequada, sobrecarga e muito mais. Se um pneu estiver desgastado ou inservível devido a danos ou condições de uso, ele deve ser substituído independentemente de quando foi produzido ou adquirido.

Para mais informações acesse: https://fortebaterias.com é encontre a melhor bateria automotiva para seu carro!

Fonte de reprodução: Adobe Stock

Tenho que substituir todos os quatro pneus de uma vez?

Outra pergunta comum na compra de pneus é se é necessário substituir todos os quatro pneus de uma só vez. A resposta simples é sim. Recomenda-se substituir todos os quatro de uma vez, pois seus pneus são fundamentais para o desempenho e manuseio do seu veículo, é importante que sejam o mais idênticos possível. Se os pneus não corresponderem, uma extremidade do veículo pode não ser capaz de responder tão rapidamente quanto a outra, dificultando o controle. Seus pneus são o que mantém seu veículo conectado à estrada, portanto, ter uma superfície plana é vital.

Se você estiver em uma situação em que  substituirá menos de quatro pneus , selecione pneus semelhantes aos que estão atualmente instalados em seu veículo. Se você estiver substituindo apenas dois pneus, esses dois pneus devem ser instalados apenas no eixo traseiro. Você deve considerar apenas os pneus que estão dentro da mesma categoria que os existentes.

Se você tiver um veículo equipado com uma montagem escalonada (pneus de tamanhos diferentes na frente e atrás), verifique o manual do proprietário do veículo para obter recomendações de substituição.

Quais pneus são melhores, novos ou usados?

Há muitos riscos associados à compra de pneus usados. Como você não conhece o histórico dos pneus, pode ser difícil saber se eles já foram inflados anteriormente, sobrecarregados ou têm outros danos internos invisíveis que podem levar a uma falha inesperada. Os pneus usados ​​também podem ter desgaste irregular, o que pode causar ruído, vibração ou outros problemas e podem precisar ser substituídos muito mais cedo do que os pneus novos. É melhor substituir os pneus por pneus novos da mesma categoria, tamanho, capacidade de carga e classificação de velocidade, conforme recomendado pelo fabricante do seu veículo.

Fonte de reprodução: Adobe Stock

Verifique se há recalls de pneus

Quando se trata de pneus recolhidos, há apenas uma posição a tomar. Não queremos ninguém dirigindo com pneus recolhidos. Temos o compromisso de substituir, gratuitamente, qualquer pneu Bridgestone ou Firestone (ou outras marcas garantidas pela Bridgestone) sujeito à satisfação do cliente, qualidade e/ou recall de segurança, a qualquer momento. A maneira mais fácil para os consumidores obterem respostas a perguntas sobre pneus recolhidos é ligar para 1-844-293-7514 ou localizar um revendedor autorizado da Bridgestone ou Firestone para examinar os pneus em questão. Você também pode  verificar os recalls atuais de pneus on-line no site https://fortebaterias.com.

Pergunte aos profissionais

Não há razão para adivinhar. Fale com um revendedor de pneus ou outro profissional autorizado para ter certeza de que está escolhendo a melhor opção de pneu para o seu veículo. Descubra se a rotação e o balanceamento dos pneus estão incluídos nos seus pneus novos. Se não forem, veja se você pode agrupar o serviço de manutenção. Peça ao revendedor para descrever a garantia do fabricante e as opções de substituição para garantir que seu novo investimento esteja protegido a longo prazo e pergunte sobre quaisquer promoções que eles possam estar oferecendo. Com essas dicas de compra de pneus e algumas  classificações confiáveis  ​​em mãos, você poderá escolher pneus novos com confiança.

Se esforça consistentemente para se conectar com os motoristas por meio de nossas lojas, revendedores e campanhas de mídia para conscientizar e educar os consumidores sobre direção segura e segurança dos pneus. Incentivamos todos os consumidores a aprenderem tudo o que puderem sobre segurança de pneus e por que é importante que seus pneus, incluindo o estepe, sejam inspecionados regularmente por um profissional qualificado.

Os carros equipados com os itens básicos, mas novos para a troca de um pneu com o tempo podem ser extraviados. Se você comprou um carro usado, pode estar faltando algumas coisas ou todas as coisas que você precisa para trocar um pneu. Verifique o seu carro quanto a esses itens essenciais e substitui todos os itens que você encontra.

Os carros equipados com os itens básicos, mas novos para a troca de um pneu com o tempo podem ser extraviados. Se você comprou um carro usado, pode estar faltando algumas coisas ou todas as coisas que você precisa para trocar um pneu. Verifique o seu carro quanto a esses itens essenciais e substitui todos os itens que você encontra.

Fonte de reprodução: Adobe Stock

  • Manual do Proprietário do Veículo O manual do proprietário do
    veículo pode conter instruções específicas para a troca do pneu em sua marca e modelo de veículo. Se você não tiver um manual do proprietário do veículo, peça um online .
  • Macaco
    Um macaco levanta seu carro do chão para que você trocar o pneu. Por motivos de segurança, sempre use o tipo de macaco recomendado pelo manual do proprietário e nunca use qualquer outro objeto para levantar ou escorar seu veículo. Se você precisa de um macaco, leia nossa análise dos melhores macacos de carro do mercado .
  • Chave
    de roda Uma chave de roda tem um pé de cabra em uma extremidade para remover um lugar no calota e um soquete na outra extremidade para soltar como porcas prendem o pneu.
  • Pneus sobressalentes
    Existem dois tipos básicos de pneus sobressalentes: tamanho completo e temporário (às vezes chamados de “donuts”). Veículos maiores, como SUVs e caminhões, geralmente têm pneus sobressalentes normais, enquanto carros compactos tendem a vir com pneus temporários.

Coisas que tornam a troca de um pneu furado mais fácil e segura

Além dos fundamentos descritos acima, há algumas coisas que SafeWise recomenda ter em mãos para tornar um pneu mais fácil e menos perigoso. Embale esses itens de segurança – junto com um kit de primeiros socorros e outros itens de segurança – em uma bolsa de água preservada e guarda-os em seu carro. Ou compreendemos um de emergência na estrada que representa um conjunto ou todas essas coisas.

  • Sinalizadores de emergência ou triângulos refletidos para alertar os motoristas sobre seu veículo com deficiência.
  • Blocos de pneus ou cunhas para ajudar a evitar que o carro role.
  • Tapete para troca de pneus ou toalha para se ajoelhar.
  • Lubrificante para soltura porcas fechadas.
  • Lanterna de farol , com baterias de trabalho, para trocar um pneu no escuro.
  • Medidor de pressão dos pneus para verificar a pressão de ar do pneussante.
  • Toalhetes levespara limpar depois de trocar o pneu.
  • Capa de chuva ou poncho para ajudar-se a proteger ou proteger-lo do sol. 

Fonte: https://autopapo.uol.com.br/noticia/trocar-o-pneu-facil

Como Cuidar da Pintura do Carro?

A cor de um carro desempenha um papel muito importante em nossa decisão de comprá-lo ou não. Afinal, é um reflexo da nossa personalidade. No entanto, alguns anos depois, a pintura do carro geralmente perde o brilho e começa a parecer opaca e morta.

Um sol escaldante de verão, sal no ar, sucos de insetos esmagados no pára-choque e até mesmo pequenos tons agitados pelos pneus dos carros à frente podem ter sido a razão de todas aquelas marcas e rachaduras na pintura.

Mas espere, pois ainda há boas notícias. Você pode voltar no tempo e recuperar o brilho. Tudo o que você precisa é de um pouco de conhecimento sobre os cuidados adequados com a pintura do carro. Quer saber mais sobre, acesse  https://bhprotecaoveicular.com.br/

Siga os procedimentos simples de quatro estágios do AUTO BILD INDIA para transformar um carro de aparência monótona em uma verdadeira peça de exibição.

1. Lavando-o

Antes de o carro ir para uma nova camada de tinta, toda a sujeira deve ser removida. Lave a sujeira, principalmente das áreas como atrás da moldura, dentro das cavas das rodas, embaixo dos pára-choques, etc, com uma lavagem de alta pressão. Cuidado: Mantenha distância suficiente para evitar danos às chapas de metal e plásticos causados ​​pela força da água. Evite usar cera quente nesta fase, pois prejudica o efeito de polimento subsequente. Limpe as molduras das portas e as soleiras das portas manualmente. Também tome cuidado com fungos no chão; fungos podem causar arranhões na pintura.

2. Sujeira Problemática

Depois de lavar a sujeira e a sujeira da superfície do carro, é hora de remover a sujeira problemática. Goma ou seiva de árvore, excrementos de pássaros e insetos que respingam no pára-choque dianteiro e no capô atacam a pintura e deixam marcas nela. O verdadeiro problema, porém, é que eles também podem ser corrosivos. Quando começam a secar, também se contraem e esticam a superfície superior da tinta, fazendo-a rachar. Com o tempo, a infiltração de água nas camadas de tinta pode inchar.

Se não forem removidos imediatamente, podem danificar a pintura permanentemente. Isso torna a pintura opaca e rachada. Existem no mercado agentes químicos específicos para a remoção dessa sujeira da carroceria. Após a aplicação desses agentes químicos, lave os restos e a sujeira com água limpa. Lave a área tratada com shampoo automotivo e deixe secar naturalmente. Não use o agente de limpeza sob luz solar forte ou em tinta quente, porque o agente começa a secar rapidamente e se torna difícil de remover.

3. Danos à pintura

O próximo passo é uma inspeção visual para ver se há algum dano na pintura do carro. Provavelmente, você encontrará muitos pequenos amassados ​​e arranhões. Razão? Pedras esvoaçantes e chaves deixam marcas na pintura. A maioria dos arranhões pode ser removida com diferentes ferramentas e habilidades técnicas, mas se não reagir imediatamente, há o risco de custos elevados mais tarde, uma vez que os arranhões estão no metal descoberto, há risco de ferrugem da carroceria do carro. No blog Bh Proteção Veicular detalha como funciona mais coisas e também, veja a seguir https://bhprotecaoveicular.com.br/servicos-2/

4. Processar e preservar

A última etapa é o acabamento. Antes de iniciar o polimento e enceramento, as peças de plástico devem ser protegidas com cuidado para evitar manchas posteriores. Em seguida, aplique limpador de tinta e polonês juntos. Se nenhum produto combinado estiver disponível, aplique cera dura. Seja manualmente ou com uma máquina de polir, nunca polir sob um sol forte ou em calor extremo. Após o polimento selar na tinta. Remova os lubrificantes usados ​​no polimento.

Dicas 5-6

Cuidado! Fúria da natureza

A ampliação de 15X mostra como a pegada de uma mosca danifica a pintura. Um polimento pode não resolver o problema

Se a seiva da árvore na tinta ficar exposta à luz solar direta por um longo tempo, ela pode rachar a superfície da tinta

Excrementos de pássaros (com zoom de 50X), se não forem limpos imediatamente com bastante água, podem danificar a pintura

5. Como lidar com o envelhecimento da tinta

Para manter o brilho da pintura em um carro novo, leve-o para uma lavagem regular. O polidor de cera é recomendado a cada seis meses.

Após três anos, uma superfície visivelmente lisa torna-se realmente irregular. Recomenda-se a limpeza de laca leve e o polimento de tinta.

Em um carro antigo, a superfície da pintura torna-se muito irregular. Uma simples lavagem não será suficiente. Requer um limpador de tinta, polidor e selante.

6. Seque seu carro

Uma lavagem regular ajudaria muito a proteger a pintura. É igualmente importante que seque a superfície do carro após a limpeza. Use um pano de algodão macio para limpar a superfície do ater. Isso evitará a formação de marcas de água na superfície da tinta, causadas por depósitos minerais na água que traçam o contorno de uma gota d’água.

Dicas 7 a 10: Dicas de reparo

7. Arranhões na superfície

Pequenos danos, por exemplo arranhões na cavidade da maçaneta da porta, podem ser polidos com pasta de polimento. Na maioria dos casos, a menos que a camada original de tinta seja muito fina, um simples trabalho de polimento será suficiente para remover o risco.

Fonte de Reprodução: Getty Images

8. Arranhões profundos (solução temporária)

No caso de um arranhão profundo, uma solução de emergência é retocar o arranhão com um lápis de cera, a cera ajuda por atuar como uma camada protetora. No entanto, após algumas lavagens, a cera será removida.

9. Arranhões profundos (solução permanente)

Arranhões profundos expõem o metal exposto, que pode estar sujeito à ferrugem. Para evitar a ferrugem, faça um trabalho de retoque na broca riscada.

10. Grandes danos

Se o dano à pintura for em uma grande área, um simples retoque não será suficiente. Obtenha a camada superior pulverizada em várias camadas finas. Depois de seco, dê um polimento na transição.

11. Obtenha ajuda de uma oficina de pintura de carros

Vá além para a proteção do exterior do seu carro apoiando-se nos profissionais da oficina Zimbrick. Nossos serviços de carroceria cuidam dos amassados, amassados ​​e outros danos cosméticos para restaurar seu carro de volta à aparência original. Podemos até dar ao seu carro uma nova pintura personalizada . Agende uma consulta na oficina Zimbrick mais próxima e coloque o brilho de volta no seu passeio.

                 

Fonte: https://pt.wikipedia.org/wiki/Autom%C3%B3vel

O que é contabilidade e por que é importante para o seu negócio

Quando você inicia um negócio, de repente você tem todos os tipos de novas responsabilidades. Um dos mais importantes? Contabilidade empresarial.

Mas o que exatamente é contabilidade? Qual o valor que ele fornece ao seu negócio? E quanto tempo vai exigir? A boa notícia é que, com as pessoas, ferramentas e recursos certos, a contabilidade não precisa ser um buraco negro para o seu tempo.

Neste post, abordaremos os fundamentos da contabilidade, desde orçamentos até outras funções contábeis. Mas se você quiser ir direto para o tutorial, você pode baixar nosso guia gratuito de contabilidade para pequenas empresas.  diz a equipe contabilidaderevisa.com.br. A empresa startup requer tempo e dinheiro para se estabelecer como uma empresa respeitável.

Uma definição simples de contabilidade

A contabilidade é como sua empresa registra, organiza e entende suas informações financeiras.

Você pode pensar na contabilidade como uma grande máquina na qual você coloca informações financeiras brutas – registros de todas as suas transações comerciais, impostos, projeções etc. – que então conta uma história sobre o estado financeiro de sua empresa.

A contabilidade é como você obtém uma imagem clara de sua posição financeira. Ele informa se você está lucrando ou não, qual é o seu fluxo de caixa, qual é o valor atual dos ativos e passivos da sua empresa e quais partes do seu negócio estão realmente ganhando dinheiro.

Contabilidade x escrituração

Contabilidade e escrituração fazem parte do mesmo processo: manter seus registros financeiros em ordem. No entanto, a contabilidade está mais preocupada em registrar as transações e operações financeiras cotidianas, enquanto a contabilidade coloca esses dados financeiros em bom uso por meio de análise, estratégia e planejamento tributário.

O ciclo contábil

A contabilidade começa com o registro das transações. As transações comerciais—qualquer atividade ou evento que envolva o dinheiro da sua empresa—precisam ser colocadas no livro-razão geral da sua empresa . Registrar transações comerciais dessa maneira faz parte da contabilidade.

A escrituração contábil é o primeiro passo do que os contadores chamam de “ ciclo contábil ”: um processo projetado para coletar dados de transações e gerar relatórios financeiros precisos e consistentes.

O ciclo contábil tem seis etapas principais:

  1. Analisar e registrar transações. Colete todas as faturas, extratos bancários ou de crédito e recibos de transações comerciais.
  2. Lançar lançamentos no livro razão. É hora de pegar esses documentos e começar a fazer lançamentos contábeis para suas transações. As entradas de diário incluem três componentes de uma transação: quando aconteceu, para que foi e quanto foi. Algumas empresas usam a contabilidade de entrada única, na qual apenas a despesa ou a receita são inseridas. Mas a mais comum é a contabilidade de dupla entrada, que registra cada transação em duas contas: de onde vem o dinheiro e para onde vai.
  3. Prepare um balancete não ajustado. No final de um período de relatório, liste todas as contas de sua empresa e descubra seus saldos.
  4. Preparar lançamentos de ajuste no final do período. Quando você precisa atualizar as entradas que já fez, prepara as entradas de ajuste. Por exemplo, se um cliente atrasar o pagamento de uma fatura e você oferecer um desconto de 5% para ajudá-lo a pagar, insira o desconto como uma entrada de ajuste, em vez de alterar a entrada já feita.
  5. Prepare um balancete ajustado . Depois de inserir os lançamentos de ajuste, você fica com um balancete ajustado. Essas informações já estão prontas para serem transformadas em demonstrações financeiras.
  6. Preparar demonstrações financeiras. Por fim, todas as informações coletadas são convertidas em suas demonstrações financeiras. Esta etapa final inclui resumir todas as suas informações financeiras em relatórios sucintos para facilitar a revisão.

O software de contabilidade pega suas informações contábeis e automatiza a maioria dessas regras e processos, então vamos pular os detalhes do ciclo contábil e falar sobre o produto final: demonstrações financeiras.

Fonte de reprodução: Adobe Stock

Declarações financeiras

Demonstrações financeiras são relatórios que resumem como sua empresa está se saindo financeiramente.

Existem três tipos principais de demonstrações financeiras: o balanço patrimonial , a demonstração do resultado e a demonstração do fluxo de caixa . Juntos, eles informam onde está o dinheiro da sua empresa e como chegou lá.

Digamos que você seja um instrutor de surf autônomo que cobra dos clientes aulas de surfe. As demonstrações financeiras podem dizer quais são seus meses mais lucrativos, quanto dinheiro você gastou em suprimentos e qual é o valor total do seu negócio.

O software de contabilidade pode ajudá-lo a gerar demonstrações financeiras facilmente, ou você pode ter um contador para fazer isso por você.

Princípios contábeis geralmente aceitos (GAAP)

Cada empresa é diferente, mas para fazer comparações financeiras precisas entre empresas, precisamos de uma linguagem comum para descrever cada uma delas. Isso é o que são os princípios contábeis geralmente aceitos (GAAP): uma série de padrões e procedimentos aos quais os contadores de todas as empresas devem aderir ao preparar as demonstrações financeiras.

Um órgão não governamental chamado Financial Accounting Standards Board estabelece o GAAP. Embora não existam leis que apliquem esses padrões, a maioria dos credores e parceiros de negócios nos Estados Unidos exigirá que você cumpra os GAAP. Se você estiver no Canadá, usará um sistema diferente chamado International Financial Reporting Standards, ou IFRS.

Fonte de reprodução: Adobe Stock

Dinheiro vs. Provisão

Você pode fazer a contabilidade da sua empresa em regime de caixa ou de competência. A diferença entre os dois está no tempo.

O regime de caixa é a contabilidade mais básica. Em regime de caixa, você só registra transações quando o dinheiro muda de mãos. Se você receber uma fatura no dia 10, mas não pagar até o dia 15, a transação será registrada no dia 15.

Com o regime de competência, você registra as transações duas vezes: quando ocorrem e quando são pagas. Para a fatura acima, você registra a despesa no dia 10 e o pagamento no dia 15 como duas transações separadas.

O método que você usa depende do que você precisa das finanças do seu negócio. O regime de caixa é mais simples e fácil de controlar, enquanto o acúmulo oferece maiores insights para proprietários de negócios mais detalhistas.

A maioria das pequenas empresas tem necessidades contábeis mais básicas, o que significa que o regime de caixa geralmente é o ajuste certo.

Os diferentes tipos de contabilidade

Fonte de reprodução: Adobe Stock

Contabilidade financeira

Todos os anos, sua empresa gerará demonstrações financeiras que pessoas de fora da empresa — como investidores, credores, agências governamentais, auditores, compradores em potencial etc. — podem usar para saber mais sobre a saúde financeira e a lucratividade de sua empresa.

Preparar as demonstrações financeiras anuais da empresa dessa forma é chamado de contabilidade financeira. Se você deseja contratar um contador financeiro, comece analisando quanto custa um contador .

Contabilidade Gerencial

A contabilidade gerencial (ou contabilidade gerencial) é semelhante à contabilidade financeira, com duas exceções importantes:

  1. Os demonstrativos produzidos pela contabilidade gerencial são apenas para uso interno.
  2. Eles são gerados com muito mais frequência – geralmente trimestralmente ou mensalmente.

Se sua empresa crescer a ponto de precisar contratar um contador em tempo integral, a maior parte do tempo será ocupada pela contabilidade gerencial. Você os pagará para produzir relatórios que forneçam atualizações regulares sobre a saúde financeira da empresa e o ajudem a interpretar esses relatórios.

Isso é um pouco semelhante ao trabalho que um analista financeiro pode fazer, embora um analista financeiro também analise as tendências passadas e atuais na economia maior, não apenas no seu negócio, para informar suas recomendações.

Fonte: https://www.fea.usp.br/contabilidade-e-atuaria/graduacao/o-que-e-contabilidade

Limpeza de Casa: dicas de como limpar e quais produtos usar

Nada melhor que chegar em casa e encontrá-la sempre limpinha e cheirosa, não é? Mas para isso é imprescindível manter a limpeza de casa enfim em dia e por isso fizemos esse post com essas dicas de limpeza para você manter o seu lar continuamente bonito, cheiroso e bem arrumado. Ninguém gosta de perder um dia todo na ablução de casa, porém, encenar uma faxina de vez em em que época é inevitável, mas se você enveredar nossas dicas de como escorchar a casa, com certeza você vai conseguir manter o seu lar em mandato e limpo por mais margem evitando precisar passar um dia todo na faxina de casa. Quer saber mais sobre limpeza de casa, acesse https://dicasshow.com.br/

Uma das principais dicas de limpeza doméstica é tentar fazer uma namorada manutenção diária, para evitar assim que na próxima vez que você precisar fazer uma faxina mais pesada ela se torne desgastante e estressante. a seguir você vai conferir algumas dicas de limpeza domestica que vão facilitar a sua vida tantas vezes na manutenção da alimpadura de casa diariamente, como alguns truques para aqueles dias de faxina mais pesada.

 Por onde começar

A primeira coisa que você necessita fazer antes de começar a limpeza de casa é assentar por qual cômodo irá começar. Muitas vezes a gente fica pensando em como limpar a casa e não sabe por onde iniciar e no fim, acaba indo e vindo de um cômodo a outro, o que torna a limpeza de casa eminentemente mais desgastante. Por isso, uma das principais dicas de limpeza dobra é limpar um adequado de cada vez, assim você consegue dar mais atenção aquele determinado espaço e outros assim se cansa menos.

Produtos de limpeza para casa

Alguns produtos de limpeza para casa são imprescindíveis na hora da engavela, porque eles facilitam copiosamente o processo da depuração de casa e muitas vezes deixam aquele “cheirinho de casa limpa” que o gente tanto gosta. Mas é por fim bom lembrar que é super importante ler os rótulos dos produtos de decência para casa antes de usá-los, para evitar misturá-los com outros produtos de limpeza para casa que não pode ou análogo evitar usá-los em um face que não é indicado.

  1. Desinfetante: os desinfetantes são uns dos produtos de limpeza para casa mais usados. A função do desinfetador é de limpar e desinfetar porcelanatos e cerâmica. o desinfetador é muito utilizado para limpeza de banheiros e piso de cozinha, ele também é conhecido por deixar um gostoso cheiro de limpeza na casa.
  2. Álcool 70: esse produto é muito utilizado para limpar e desinfetar mesa de vidro, armários e bancadas de coze, também pode ser sólido para limpar vidros de janela quando diluído em água.
  3. Desengordurante: o desengordurante é a consequência ideal para limpar estufa, forno, bancada de cozinha, armários, microondas, resumindo é um produto muito necessário para abrasa, mas que também pode ser habitual para lavar box de banheiro.
  4. Detergente líquido: além de auxiliar como lava louças, o detergente líquido também pode ser correntio para limpar janelas e chãos.
  5. Vinagre, limão e bicarbonato de sódio: o vinagre, limão e bicarbonato de sódio não são inevitavelmente produtos de limpeza de casa, porém, eles podem ajudar muito na limpeza de casa. Com algumas fórmulas caseiras, esses ingredientes podem ser utilizados como desengordurantes e outrossim tirar manchas de bafio e cheiro de mofo dos ambientes.

1. Limpe toda a casa, não um cômodo de cada vez

A limpeza é muito mais eficiente se você escolher uma tarefa (espoeirar, aspirar, esfregar) e fizer a mesma tarefa em todos os cômodos da casa, em vez de limpar a cozinha, os banheiros e depois os quartos. Fazer dessa maneira evita que você sinta que está em um ciclo de limpeza sem fim, iniciando a mesma tarefa repetidamente.

2. Reúna todas as suas ferramentas de limpeza em um caddy

Seja um caddy, balde ou sacola, ter tudo o que você precisa para limpar em um local portátil facilita muito o trabalho. Você não perderá tempo procurando ferramentas enquanto limpa e não precisa se preocupar em recolhê-las antes da próxima visita.

3. Limpe a desordem

Antes mesmo de começar a limpar, vá de cômodo em cômodo e pegue a bagunça. Ao pegar cada item – revistas, livros de bolso bem lidos, tênis velhos – considere se você deve guardá-lo, jogá-lo fora ou doá-lo.

4. Poeira e vácuo

Antes de começar a tirar o pó, certifique-se de que os ventiladores de teto estejam desligados. Concentre o pó em cima de móveis e embaixo de prateleiras, em corrimãos, porta-retratos, bugigangas e telas de TV. Para áreas de difícil acesso, como persianas e prateleiras superiores, amarre um pano de microfibra na ponta de um esfregão ou vassoura. Troque os lençóis dos quartos antes de passar o aspirador.

5. Limpe espelhos e vidros

Use um pano de microfibra úmido, seguido de um pano seco para limpar todos os espelhos e superfícies de vidro.

6. Desinfetar bancadas e áreas de superfície

Percorra sua casa e limpe as superfícies duras – de bancadas, eletrodomésticos e armários a maçanetas, interruptores de luz, controles remotos de TV e telefones. Você deve desinfetar algumas dessas superfícies, principalmente aquelas que podem levar germes aos dedos e rostos das pessoas. Faça uma solução de desinfecção não tóxica misturando um quarto a meia xícara de vinagre branco ou de maçã com um copo de água.

7. Concentre-se em banheiras, pias e vasos sanitários

Pulverize o limpador na pia da cozinha e depois nas pias do banheiro, banheiras e vasos sanitários. Deixe descansar por alguns minutos para que o limpador tenha tempo de dissolver a sujeira e as manchas. Em seguida, volte para a cozinha e comece a esfregar. Não se esqueça de limpar o interior do micro-ondas. Banheiros limpos por último.

Fonte de Reprodução: Getty Imagens

Enquanto estiver na cozinha, você também quer ter certeza de que seu triturador de lixo está em boas condições. Se você não tiver certeza da melhor maneira de limpar um triturador de lixo, clique aqui para obter algumas dicas úteis de limpeza de descarte de lixo DIY.

8. Varra e depois esfregue

Varra o chão da cozinha e do banheiro. Comece a esfregar do canto mais distante da sala e mova-se para trás em direção à porta (isto é, não se esfregue em um canto). Lave o esfregão toda vez que você completar uma área de 4 por 4 pés.

9. Continue em movimento ao aspirar

Não se preocupe em obter todos os cantos e recantos ao aspirar. Apenas continue se movendo pela casa, passando o aspirador em todos os cômodos acarpetados de uma só vez.

Algumas tarefas não precisam ser feitas a cada semana. Isso inclui encerar os móveis, limpar as janelas e lavar tapetes e tapetes de banheiro. Inspecione esses acessórios e use seu próprio julgamento.

10. Não se esqueça de lavar rotineiramente suas ferramentas de limpeza

Uma parte muitas vezes esquecida da limpeza da casa é a manutenção de suas ferramentas de limpeza. Usar um esfregão sujo ou um aspirador com um saco cheio é muito menos eficaz e você acabará gastando mais tempo tentando limpar.

11. Faça da limpeza uma atividade em grupo

Tornar a limpeza um esforço de equipe é uma das melhores maneiras de limpar uma casa rapidamente. Agende um horário com antecedência com sua família e atribua tarefas a cada pessoa. Trabalhar em conjunto pode adicionar um pouco de diversão à limpeza, e sua casa ficará brilhando rapidamente.

Durante a limpeza, verifique os itens de manutenção da casa, como uma pia defeituosa que pode causar danos à água .

Siga este guia passo a passo para aproveitar ao máximo seu tempo e limpar sua casa rapidamente.

                           

Fonte: https://g1.globo.com/

Produtos para cesta de café da manhã e como vende elas

Imagine presentear alguém com uma cesta cheia de produtos de café da manhã, montada especialmente para ela! essa pessoa, com certeza, vai se sentir especial e, se a consciência for demonstrar carinho, é uma ótima (e romântica) maneira.

Para ter afim o esperado, no entanto, é definido escolher os melhores produtos para a cesta de café da manha que será entregue ou enviada. Antes de tudo, certifique-se de que a criatura que receberá a cesta tenha o costume de comer de manhã. alguns indivíduos comem pouco ou elegem pular essa refeição. Procure saber também sobre dieta e restrição alimentar, para acertar nos produtos e montar uma cesta saudável e adequada. Quer saber mais sobre cestas ? Acesse https://cestasvip.com.br/

O que colocar em uma cesta de café da manhã

Existem muitas opções de itens para incluir em uma cesta de café da manhã; no entanto, existem três coisas principais que você definitivamente deve incluir:

  • um item alimentar importante (ex: mistura para panqueca, mistura para waffle, granola, muesli, aveia noturna etc.) que se tornará o “tema” da sua cesta
  • bebida para combinar com a comida (café ou chá geralmente, mas você pode enlouquecer e fazer uma mistura de bloody mary ou suco de laranja + champanhe para mimosas)
  • mix-ins ou coberturas para o alimento principal (xarope de bordo, mel, iogurte, frutas frescas ou secas, xaropes aromatizados, geleias, molho picante, chantilly, etc.)
Se você está presenteando alguém que mora nas proximidades, você também pode incluir itens refrigerados para tornar a cesta mais conveniente (para que eles não tenham que correr para a loja para comprar ingredientes extras). Exemplos: creme de café, chantilly, manteiga, ovos, leite ou leitelho, iogurte, bacon ou salsicha.

Escolha os pães e bolos

Os pães e os bolos são elementos imprescindíveis para um bom café da astúcia. Fique atento e use um pão que não murche com o tempo, como o pão francês. Boas ideias são o pão arrendatário, o pão de queijo, os industrializados de boa grau ou as torradas, que perto todo mundo gosta. optar por elas e outro tipo de pão é um artifício interessante. Já o bolo, caso saiba, escolha a aparência que o presenteado mais gosta. Se não, o de chocolate, cenoura e laranja costumam agradar bastante. Um tipo de bolo é competente.

Opte por bons frios e iogurtes

Iogurtes (grego ou líquido) e queijos são adorados, mas tenha certeza de que as itens ficarão refrigerados antes e abaixo da entrega da cesta, lembrando sempre de usar consequências de boa qualidade. Você pode colocar algumas fatias de presunto e mozarela e um queijo magro, como a ricota ou cottage. Inclua mais algumas opções para desvelar no pão: manteiga, cream cheese, requeijão e geleias são ótimos exemplos. Por fim, creme de chocolate com avelã e doce de leite também são deliciosos.

Frutas e bebidas também são produtos para cesta de café da manhã

As frutas são um excelente produto para cesta de café da manha, pois a deixam bonita e também saudável. Morangos, uvas e bananas são práticos, assim como a mamão papaia. Se escolher melão ou outra fruta comprido, entregue ela cortada. Quanto os beberes, não será possível levar um café passado e quentinho, certo? Então, você pode colocar café instantâneo, cápsula de café (caso a pessoa tenha a cogita, achocolatado, sachê de chá e quinta-essências integrais.

Inclua outros produtos na cesta de café da manhã

Escolhido os principais itens para o café da manha, é hora de agradar ainda mais. Coloque algum mimo que possa ser amuado de recordação, como flores, um cartão, uma chávena com pires ou uma caneca, deixando assim a cesta muito especial. Coloque ainda chocolates, biscoitos, cereais e outros itens deliciosos.

Fonte de Reprodução: Getty Imagens

Para finalizar, você precisará de uma caixa ou cesta específica para isso, função celofane para embalar e outro assim um lindo laço no entanto, fazer algo bonito nem incessantemente é fácil, por isso, você pode encomendar a sua em uma floricultura de confiança. Ela saberá como montar, inclusive seguindo os gostos das presenteado os produtos para cesta de café do jeito com uma bela armação farão toda a diferença na busca por agradar a pessoa desejada. Procure variar os itens e personalizar conforme as preferências de quem asilará, pois isso tornará tudo mais especial. No blog Cestas Vip tem vários produtos que você vai se interessar, veja a seguir https://cestasvip.com.br/produtos/

Como vende elas

Escreva um plano de negócios

O primeiro passo quando você está planejando como iniciar um negócio de cestas de presentes é escrever um plano de negócios. Um plano de negócios é um roteiro de como você iniciará e expandirá seus negócios. Este plano não apenas ajuda você a organizar seus próprios pensamentos e ideias e a criar uma estratégia coesa, mas também é útil se você planeja buscar financiamento ou um parceiro de negócios no futuro.

Um plano de negócios consiste em várias partes, mas aqui estão algumas das mais importantes a serem consideradas ao planejar seu negócio de cestas de presentes.

  • Análise de mercado: A análise de mercado é uma parte crucial do seu plano de negócios, pois ajuda a garantir que há uma necessidade para o seu negócio. Durante esta etapa, você pesquisará o mercado atual para determinar quantas empresas semelhantes existem, o que elas oferecem e o que diferencia sua empresa. Você também terá uma ideia do seu público-alvo, que informará tudo, desde o design do produto até a estratégia de marketing.

  • Linha de produtos : Para a maioria dos empresários, esta é a parte divertida. Nesta seção do seu plano de negócios, você detalha quais tipos de cestas de presentes você venderá, o que será incluído nessas cestas e como você está adquirindo seus produtos. Não se esqueça de incluir informações sobre preços, o custo de cada cesta, por quanto você a venderá e sua margem de lucro.

  • Plano de marketing: como você divulgará seu novo negócio? Esta seção é sobre como você encontrará seus clientes e como divulgará sua empresa para que eles possam encontrá-lo. Embora você não precise criar um plano de marketing completo no início, mas pode continuar construindo esta seção à medida que sua empresa cresce.

  • Necessidades de financiamento: se você estiver escrevendo um plano de negócios para financiamento ou para atrair investidores, precisará incluir uma seção sobre suas necessidades de financiamento. Esta seção deve detalhar quanto dinheiro você precisa, para que esse dinheiro será usado e seu plano de retorno do investimento.

                     

Fonte: https://pt.wikipedia.org/wiki/Desjejum

Como ser eletricista residencial

Hoje em dia, com o mercado de trabalho oscilando, e até mesmo com a dúvida de quantidade ser deposto de uma empresa a qualquer hora, vários profissionais estão optando por ser autocéfalo.
Com os eletricistas não é distinto, e eu diria até que é uma coisa muito comum, devido a grande consumo por eletricistas para realizar serviços residenciais por exemplo.

Se você é um desses profissionais que está solucionado a inscrever-se no mundo dos profissionais autônomos por isso esse texto com firmeza te ajudará. Neste texto vou permitir algumas dicas para que você se torne um Eletricista autocéfalo de sucesso. Quer saber mais, acesse https://bheletricista.com.br/

Dicas para ser um eletricista autocéfalo de sucesso

A setor de eletricidade é uma das que exigem o menor esforço principiante no momento em que se trata de ser autocéfalo. É similarmente uma das que possui o retorno cobiçoso mais rápidos.

Porém não se iluda achando que será possível conferir um negócio, e por mais que você trabalhe sem companhia, você deverá ser bastante desvelado, cuidadoso com sua maneira de comportar-se.

De acordo com o SEBRAE, a cada 100 companhias de serviços que iniciam suas atividades no Brasil, cerca de 22 “morrem” antes mesmo de adicionar seu alcoviteiro ano.
Por esta motivo precisamos ingerir alguns afazeres para começar nesta trajeto.

Precisamos ver a possibilidade de um novo negócio, devemos colocar tudo no papel e realizar um planejamento refletido, para que dessa maneira tenhamos em mente as dificuldades e responsabilidades que nos aguardam.

Você pode ser um eletricista bamba ou até mesmo nascente na setor elétrica, com firmeza você terá mais sucesso e irá reforçar a porção de trabalho com estas 5 dicas:

Invista em formação profissional ;
Planeje-se antes de começar como eletricista autocéfalo ;
Formalize-se como profissional ;
Crie um site ou diário online ;
Divulgue seus serviços como eletricista no Google.

 

Invista em Formação Profissional

Com certeza, para começar qualquer prestação de serviço é preciso pedir formação técnica.
Além dos cursos da Dependência da Elétrica, é possível você similarmente acessar o quantidade de Materiais Educativos gratuitos e apreciar de E-books, Softwares e Webinars especificamente disponibilizados para eletricistas que buscam desenvolver seus competências.

É necessário que antes de ser averiguado como uma empresa (eletricista autocéfalo ), você seja verificado como um expert, evidente que ninguém conhece sobre tudo, ou sabe tudo, é constantemente preciso saber uma coisa novo. Porém é bastante fundamental que você seja uma referência no que faz.

Além de competências específicos, é fundamental que você tenha um bom relacionamento com seus clientes para que dessa maneira eles possam indica-lo não apenas pelo seu entendimento técnico, porém similarmente pela “ comunicação ”.

Uma coisa relevante nesta e tantas outras áreas é a urgência de atualizar-se todos os dias.
A todo perseverante são lançados novos produtos e recursos para favorecer e / ou reintegrar seu trabalho de mais valor.

Novidades surgem a todo perseverante, especialmente no momento em que o assunto é Automatização Residencial.
Um bom profissional autocéfalo da setor industrial, geralmente inicia adquirindo competências relativos a instalações elétricas residencial e predial.

Para ter sucesso, não é preciso somente competências padrão, é preciso ter um uma coisa a mais, um diferencial.
Um desses diferenciais são capazes de ser a apresentação de um orçamento bem realizado?, por exemplo.
Indicamos 3 cursos essenciais para começar em sua serviço:

  • Eletricista Autocéfalo Express
  • Máquinas e Comandos Elétricos
  • Eletricidade Maior parte

Caso você esteja buscando conteúdo de qualidade sobre Comandos Elétricos gratuitamente, acesse aqui: comandos elétricos. Nosso blog Eletricista Bh falam de muitos outros tipos de serviços, veja a seguir https://bheletricista.com.br/servicos-2/

Planeje-se antes de começar como Eletricista Autocéfalo

Planejamento, esse é um comportamento fundamental para a saúde financeira da sua empresa.

Não é por pouco que o SEBRAE evidência que quase 22% dos novos empreendedores não podem alcançar ao seu alcoviteiro ano de vida, pense bem, você pode conferir com eficiência sua vida financeira?

Por isso como será que irá conferir as finanças de seu negócio?

Não se preocupe com isso, ou seja, se preocupe bastante com isto, se não se preparar você irá se descobrir com uma tremenda dificuldade.

Por esta motivo, antes de começar, ponha tudo no papel e comece a estudar quais serão seus metas, quais são suas objetivos para daqui 2 anos, quais serão as formas de difundir seu serviço e especialmente, como você irá se reconhecer de seus concorrentes.

Se sabes que os iniciantes encontram dificuldades nos 2 primeiros anos por isso você não pode realizar parte das estatísticas, tome como um desacato ficar visível em seguida deste tempo.

Saber conferir sua vida contábil e de sua empresa é a maior das virtudes se quer conquistar sucesso.
Uma ótimo ferramenta para ajudar você na elaboração de uma planilha de controle cobiçoso é o EXCEL.
Essa ferramenta pode realizar com que você possa aumentar e demonstrar de maneira qualitativa o verificação que entra o que sai.

 

Formalize-se como profissional

Venhamos e convenhamos, apenas começar como um autocéfalo e não ter repartição como análogo é, na verdade, um “ perversão ”.

Se pretende iniciar, comece formalizando seu trabalho.
Não se esqueça que em várias situações você terá como coexistente indivíduos despreparadas e indivíduos preparadas, e sinceramente esta é uma das grandes dificuldades que enfrentamos no dia a dia, especialmente no momento em que estamos tentando entrar no mercado residencial no qual cada detalhe os diferencia dos demais profissionais.

Fonte de Reprodução: Getty Imagens

Dessa forma digo que realmente compensa você oficializar seu trabalho. Além de ter mais segurança, você também terá mais créditos com seus clientes.
Crie um site ou diário online

Hoje em dia, umas das mais perfeitas formas de difundir seu trabalho ou produto, é a partir de recomendação, porém similarmente pelas redes sociais, que vem crescendo a cada dia.

O site ou diário online vem sendo um recurso muito utilizado para estes fins.
Tenho firmeza que você no momento em que está interessado em um serviço ou produto procuram no Google, e na maioria das vezes é possível achar efetivamente o que pretende.

Uma vez que bem, por isso a valia te ter um site ou Diário online (Seus clientes são capazes de te obter similarmente, veja aqui como surgir no google).

A grande maior parte dos profissionais autônomos desta nossa setor, bota a divulgação da qualidade do serviço na mão dos clientes, pedindo para que o cliente fale bem do seu serviço.

 

Na verdade, é uma obrigação sua alcançar

Se você faz um bom serviço seu cliente tende a te mostrar posteriormente sem que você precise exigir.
Mostrar para as pessoas que você conhece bem do assunto, do serviço prestado, é de extrema valia.
Dê um passo a frente dos seus concorrentes, além de utilizar seus clientes para divulgação, use similarmente as redes sociais a seu favor.

Crie um site ou diário online, no qual você tenha informações necessários, como:

Informações sobre seus competências técnicos e experiência profissional (crie uma passagem apenas para isto );

Serviços necessários prestados. Fotos, descrição do trabalho ;

Pela minha experiência, posso confirmar que fazer um diário online pode erguer seu produto ou negócio, e é uma coisa respeitante a possível de se realizar.
Você pode realizar isto de forma gratuita ou ordenado ( quase R$ 20,00 ao mês ).

 

Divulgue os seus serviços como eletricista no Google

O Google tem uma ferramenta excepcional para a divulgação de seus serviços, o Google Adwords.
Com esta ferramenta você pode fazer uma campanha publicitária para desabafar sua marca e difundir seu serviço, ao contrário que vários pensam, você pode efetivamente usar esta ferramenta para difundir serviços de instalações elétricas de forma possível e ágil.
O mais rendoso deste sistema é que você pode orientar completamente seu público alvo.

Vamos presumir que você resida em São Paulo ( Capital ), e atende serviços de eletricidade em toda região de São Paulo e NOÇÃO Paulista, ao fazer sua campanha publicitária, você será capaz de orientar seu público alvo “dizendo” ao Google que deverá patentear seus anúncios apenas nesta região.

 

Fonte: https://pt.wikipedia.org/wiki/Eletricista

Como consertar um pneu furado passo a passo

Um pneu furado é um problema que os motoristas enfrentam regularmente. Se você dirigir seu próprio carro, você deve ter um bom conhecimento sobre como consertar um pneu furado em um carro porque uma boa reposição pode não estar disponível o tempo todo. Além disso, consertar um pneu furado não é uma tarefa muito difícil. Exige que você seja um pouco meticuloso, então tudo correrá bem. 

Existem algumas maneiras de como consertar um pneu furado , e a maioria delas é bastante simples e não requer mais do que algumas ferramentas para consertar um pneu furado.

O que causa um pneu furado

Portanto, antes de saber como consertar um pneu furado, vamos dar uma olhada no motivo mais comum por trás do pneu furado. Quer saber mais sobre o a troca de varias outras coisas, acesse https://rsembreagem.com.br/

Como motorista, pelo menos uma vez em sua vida ao dirigir, você enfrenta o pneu furado.  Se você já passou por essa situação infeliz, sabe como é triste ver o seu veículo sofrendo. E as causas mais comuns de um pneu furado são:

1. Punção por objeto pontiagudo

É comum ter objetos pontiagudos na estrada e as chances de encontrá-los são imprevisíveis. Portanto, evite o vazamento de perfurações, contornando os escombros na estrada ou em estacionamentos, sempre que possível.

2. Falha ou dano à haste da válvula

A haste da válvula é a pequena protuberância do pneu que você desparafusa quando precisa inflá-lo. Uma haste da válvula danificada ou corroída pode fazer com que o ar vaze do pneu, fazendo com que ele fique vazio. Assim, as hastes soltas ou obstruídas com sujeira farão com que os pneus percam ar.

3. Pneu Esfregado ou Rasgado

Já o pneu rasgado levará ao resultado do vazamento de ar do pneu. Portanto, o pneu está furado e cria uma situação perigosa para você e outros motoristas. Portanto, certifique-se de verificar o pneu com frequência, como áreas muito arranhadas ou desgastadas ou desgaste irregular em um lado do pneu.

4. Vandalismo

Vandalismo inclui alguém soltando o ar do seu pneu. É facilmente remediável e não resultará na necessidade de substituição: basta refestelar o pneu. Você também deve ter cuidado ao estacionar no futuro.

5. Pneus bombeados

Parece loucura, mas é verdade que se você bombear demais os pneus, há uma chance de o pneu ficar furado. Um pneu com excesso de pressão pode criar uma situação de pressão perigosa, muitas vezes resultando em um estouro.

 

6. Vazamentos de roda de liga leve

É recomendável verificar a pressão dos pneus com frequência. Porque se o vazamento se tornar um problema recorrente, leve seu carro a um mecânico para uma correção profissional.

7. Riscos na estrada

Existem muitos problemas na estrada que os motoristas não conseguem imaginar. Buracos, estradas irregulares e detritos inesperados podem causar estragos nas rodas, eixos e material rodante do seu carro.

8. O pneu e o aro separam-se de outro objeto

Quando seu pneu bate em um meio-fio ou se você esfrega a roda fortemente contra a calçada enquanto estaciona, a separação acontecerá. O pneu escorrega ligeiramente do aro, causando uma perda lenta de ar ao longo do tempo.

Fonte de Reprodução: Getty Imagem

9. Dano inesperado

Em muitos casos, você não pode evitar o furo do pneu por causa de algo inesperado que acontece. Se você passar por uma explosão inesperada na estrada: não pise no freio, deixe o carro desacelerar naturalmente enquanto dirige para o lado da estrada, ligue as luzes de emergência e peça ajuda.

Isso é tudo sobre o que causa o pneu furado, agora, vamos seguir em frente como consertar um pneu furado!

Como consertar um pneu furado: instruções passo a passo

Ter um pneu furado ou furado é um problema irritante. No entanto, como acontece de vez em quando, você deve aprender uma ou duas maneiras de consertar um pneu furado. Vamos dar uma olhada em como consertar um pneu furado de um carro usando um kit de tampão de pneu:

1. Encontre o vazamento

É o primeiro passo para consertar um pneu furado. Dê uma olhada no pneu para ver se há um prego ou algo pontudo saindo dele ou se há buracos ou cortes. Se a inspecção visível não ajudar, encha o pneu com o nível de pressão apropriado e veja se há um som de assobio.

Se nada funcionar, misture um pouco de detergente com água e escove ou borrife a mistura no pneu. Haverá bolhas na área de vazamento. Marque o local com fita adesiva.

2. Afrouxe as porcas de carga e levante o carro

Na próxima etapa de como consertar um pneu furado, você precisa afrouxar as porcas de roda com uma chave de impacto ou uma chave de roda. Lembre-se de fazer isso antes de levantar o carro. Caso contrário, pode girar perigosamente na hora de retirar as nozes.

Agora, é hora de levantar o carro para que você possa remover as rodas. Faça isso mantendo seu carro em uma superfície de concreto ou dura e deve usar macacos para manter o veículo estabilizado.

3. Remova as porcas de roda e limpe o orifício

É hora de remover as porcas de roda completamente e puxar a roda da distância entre eixos. Em seguida, limpe a área do vazamento inserindo algumas vezes o raspador (incluso no kit) de fora do orifício.

4. Insira o plugue

Passe o plugue no meio da ferramenta de inserção e empurre para dentro do orifício. Você pode lubrificar o plugue com um adesivo como cola ou cimento de borracha para fácil inserção e melhor vedação. Não mova o plugue por pelo menos um minuto para deixar o adesivo endurecer e secar. Corte a parte do tampão que se projeta na superfície do pneu.

5. Encha o pneu

Encha o pneu com ar na pressão de ar recomendada. Agora, reinstale a roda, remova o macaco do piso e prenda e aperte as alças com o torque adequado.

Como você aprendeu a consertar um fogo plano no carro, pode fazer todo o processo em sua casa. No entanto, lembre-se de que consertar um pneu com um tampão não é uma solução permanente. Você deve levar o pneu a uma oficina mecânica para consertá-lo profissionalmente ou substituí-lo antes de dirigi-lo por mais 20.000 milhas.

Acabamos de apresentar a você o melhor maneira de consertar um pneu furado . Como você pode ver, não é um trabalho tão difícil, então você pode fazê-lo sozinho se estiver sem ajuda ou se quiser fazê-lo em casa. Você também pode conferir o vídeo abaixo, que mostra como consertar um pneu furado

 

Guia para substituir um pneu furado

Se consertar um pneu furado não é uma maneira eficaz para você nessa situação, a resposta para a questão de como consertar um pneu furado é trocar o novo. Aqui estão 2 etapas fáceis que você pode seguir. O Blog RS Embreagem  detalha como funciona a troca de varias outras coisas, veja a seguir em https://rsembreagem.com.br/?s=troca+

Fonte de Reprodução: Getty Imagem

Etapa 1: Remoção do pneu furado

A primeira coisa de que você precisa nesta etapa é uma chave inglesa para afrouxar as porcas do pneu furado. Depois de afrouxar todas as porcas (mas não as remova ainda), em seguida, posicione um macaco nos pontos de macaco sugeridos para o seu carro e, em seguida, use esse macaco para subir o lado do carro em que está trabalhando. Além disso, para evitar que seu carro role, você deve fazer isso em terreno plano. Lembre-se de que levantar o seu carro numa ladeira pode causar muitos acidentes perigosos. Depois de levantar o carro com o macaco, é hora de remover as porcas da roda e, em seguida, tirar o pneu furado.

Etapa 2: anexando o sobressalente

Usando a roda sobressalente para substituir o pneu furado. Antes de colocar o sobressalente, você deve gastar alguns minutos para verificar o estado do sobressalente novamente, certifique-se de que ele seja do mesmo tamanho do que você está substituindo. Por que você tem que fazer isso? Bem, dirigir um carro com 3 pneus de verão e 1 pneu de inverno por um período significativo de tempo causará muitos problemas irritantes, é isso que não queremos enfrentar.

Ao verificar a roda sobressalente, em seguida, recoloque as porcas de roda nos parafusos (mas não as use totalmente). Então você abaixa o macaco do carro até que todo o peso do veículo esteja de volta no pneu. Em seguida, é necessário remover o macaco do carro e travar as porcas. 

Aviso prévio: Embora você possa dirigir seu querido carro novamente com uma roda sobressalente, ela não é fabricada para longas viagens. Portanto, você deve dirigir seu carro a menos de 80 km / h ao usar um sobressalente temporário e procurar uma oficina mecânica para substituir o pneu por um mecânico.

Não confie no seu pneu sobressalente

Nos dias sociais modernos, é cada vez menos comum que novos veículos venham equipados com pneus sobressalentes de tamanho normal. Os protetores de espaço são projetados apenas para levá-lo a uma distância muito curta em velocidades muito baixas – do outro lado da cidade até a loja de pneus, basicamente. Você deve evitar usar um protetor de espaço em uma estrada de terra ou trilha, se possível. 

No caso de você ter o sobressalente de tamanho completo com um pneu e uma roda correspondentes, ainda é possível furar mais de um pneu por vez. Portanto, se você não estiver preparado ou se acontecer em algum lugar você não conseguirá pedir ajuda facilmente, será um grande problema.

 

Por que é importante consertar o pneu?

Se você estiver dirigindo com um pneu que perde ar continuamente ou apresenta um furo, é muito importante para sua segurança que seja inspecionado imediatamente. Um profissional de serviço deve inspecionar por dentro e por fora para determinar se o reparo do pneu é possível ou se ele precisa ser substituído. Consertar um carro furado a tempo ajudará a consertar adequadamente os furos no piso, evitando maiores danos aos pneus. Também ajuda a manter a pressão de ar dos pneus nos níveis recomendados pelo fabricante.

Fonte de Reprodução: Getty Imagem

 No caso em que a reparação seja impossível, a substituição é recomendada para evitar danos graves ao seu carro. É a situação em que você nota uma protuberância ou bolha na parede lateral de um pneu, você deve substituir o pneu imediatamente. Esses são sinais que levam à falha do pneu e podem ser perigosos. Ou quando um pneu furou devido a um estouro, esse pneu deve ser substituído imediatamente. Em outros casos, o pneu sofreu lacerações ou outros danos significativos, você deve substituir o pneu imediatamente, em vez de tentar consertar um pneu furado.

Resumir

Espero que depois de ler este artigo, além de saber como consertar um pneu furado, você saiba como trocar um pneu furado de forma segura. Se você tiver alguma dúvida relacionada a como consertar um pneu furado ou conhecimento sobre o carro, fique à vontade para nos deixar um comentário abaixo, nossos especialistas em automóveis responderão para você. E não se esqueça de outras dicas reais de manutenção para entender melhor o seu carro e saber como consertá-lo quando necessário.

                   

Fonte: https://pt.wikipedia.org/wiki/Pneu

Causas e sintomas de ruído da embreagem

Ruídos da embreagem, como assobios ou clones, nem sempre são uma indicação de uma embreagem com defeito.

Ruídos de assobio também podem ser causados ​​por contato fora do centro do rolamento de liberação da embreagem, um eixo de entrada de transmissão não centralizado ou um rolamento piloto defeituoso. Deseja saber mais, acesse http://rsembreagem.com.br/   para mais informações.

Ruídos de chocalho podem ser causados ​​por alterações de carga se os discos da embreagem forem fornecidos com amortecedores preliminares. Esses ruídos não prejudicam o funcionamento ou a vida útil do disco da embreagem.

As possíveis causas adicionais incluem a instalação de peças erradas ou a instalação do disco de embreagem na posição errada.

Entendendo por que os componentes da embreagem fazem barulho

Embora a transmissão manual tenha evoluído consideravelmente ao longo dos anos, essencialmente ela ainda é composta pelos mesmos componentes básicos. Um sistema de embreagem começa com o volante que está preso na parte traseira do motor e é impulsionado pela velocidade de rotação do virabrequim. Uma placa de acionamento é então presa ao volante e suportada por uma placa de pressão.

À medida que o pedal da embreagem é liberado, as placas de acionamento e pressão “deslizam” lentamente para aplicar potência à engrenagem de transmissão e, eventualmente, aos eixos de acionamento. O atrito entre as duas placas funciona de muitas maneiras semelhantes aos freios a disco. Ao pressionar o pedal da embreagem, ele aciona a embreagem e impede que o eixo de entrada da transmissão gire. Isso permite que você mude as marchas na transmissão manual para uma relação de transmissão mais alta ou mais baixa. Quando você solta o pedal, a embreagem é desengatada e a transmissão fica livre para girar com o motor.

Existem vários componentes individuais que compõem o sistema de embreagem. Operar a embreagem requer ter rolamentos de trabalho que trabalham juntos para engatar e desengatar (soltar o pedal) o sistema de embreagem. Existem vários rolamentos aqui também, incluindo o rolamento descartável e o rolamento piloto. O Blog RS embreagem troca a sua embreagem, veja em https://rsembreagem.com.br/troca-de-embreagem-cambio-manual/

Algumas das outras peças que compõem o sistema de embreagem e podem criar ruídos à medida que se desgastam incluem:

  • O cilindro mestre da embreagem
  • Pedal da embreagem
  • Liberação da embreagem e rolamentos de entrada
  • Placa de pressão da embreagem
  • Disco(s) de embreagem
  • Volante
  • Rolamento piloto ou bucha

Na maioria dos casos, quando a embreagem apresenta sinais de desgaste; um ou vários dos componentes acima terão quebrado ou serão desgastados prematuramente. Quando essas peças se desgastam, elas tendem a exibir alguns sinais de alerta que podem ser usados ​​para solucionar problemas. Abaixo estão algumas das etapas de solução de problemas que precisam ser concluídas para determinar o que está causando ruídos provenientes do sistema de embreagem.

Método 1 de 3: Como solucionar problemas com o rolamento descartável

Em uma embreagem moderna, o rolamento descartável é essencialmente o coração do pacote de embreagem. Quando o pedal da embreagem é pressionado (o que significa que é pressionado no chão), esse componente se move em direção ao volante; aplicando os dedos de liberação da placa de pressão. À medida que o pedal da embreagem é liberado, o rolamento descartável começa a se soltar do volante e aciona o sistema de embreagem para começar a aplicar pressão nas rodas motrizes.

Como esse componente está sempre se movendo para dentro e para fora quando você aciona o pedal da embreagem, faz sentido supor que, se você estiver ouvindo ruídos ao pressionar ou soltar o pedal, provavelmente está vindo dessa parte. Para solucionar o problema do rolamento descartável, você terá que concluir as etapas a seguir sem realmente remover o alojamento da campânula.

Etapa 1: ouça um som de ganido ao pressionar o pedal da embreagem até o chão. Se você ouvir um gemido ou um som alto de trituração vindo de baixo do veículo ao pressionar o pedal da embreagem até o chão, isso pode ser causado por um rolamento descartável que está danificado e precisa ser substituído.

Passo 2: Ouça os sons ao soltar o pedal da embreagem. Em alguns casos, o rolamento descartável fará barulho quando você soltar a embreagem. Isso geralmente é causado pelo desgaste do rolamento central no volante enquanto ele se move em direção à transmissão.

Se você notar esse som, peça a um mecânico profissional para inspecionar ou substituir o rolamento descartável. Quando este componente falha, também é comum que o rolamento piloto também seja danificado.

Método 2 de 3: Solucionando problemas com o rolamento piloto

Para veículos com tração nas quatro rodas ou nas rodas traseiras, um rolamento piloto é usado em conjunto com a transmissão do veículo para apoiar e manter o eixo de entrada da transmissão reto enquanto a embreagem aplica pressão. Embora esse componente também possa ser incluído em veículos com tração dianteira, normalmente é um componente RWD que funciona quando a embreagem é desengatada. Ao soltar o pedal da embreagem, o rolamento piloto permite que o volante mantenha um RPM suave enquanto o eixo de entrada está desacelerando e eventualmente para. Isso ajuda a reduzir a carga na parte traseira do motor. Quando a peça começa a falhar, alguns dos sintomas comuns incluem:

  • O rolamento piloto não poderá liberar
  • A transmissão sairá da marcha
  • Pode haver uma vibração notada no volante

Como esse componente é vital para a operação geral da embreagem e da transmissão, se não for reparado, pode causar falhas catastróficas. Na maioria das circunstâncias, quando o rolamento do piloto está começando a mostrar sinais de falha, pode estar presente um som de tinido alto ou agudo. Isso também faz com que o eixo de entrada fique desalinhado, o que também pode criar um som à medida que o eixo de entrada gira.

Para solucionar se esse componente é ou não a fonte dos ruídos da embreagem, conclua as etapas a seguir:

Etapa 1: Ouça os sons enquanto o veículo está acelerando após o pedal da embreagem estar totalmente engatado. Na maioria dos casos, quando esta peça estiver falhando e causando ruído, será conforme o eixo de entrada gira; ou após o pedal da embreagem ter sido totalmente engatado ou liberado.

Se você ouvir um som de trituração ou ruído vindo da transmissão enquanto o veículo acelera ou desacelera enquanto o pedal da embreagem está solto, pode estar vindo do rolamento piloto.

Etapa 2: tente sentir as vibrações do volante enquanto ele acelera. Junto com o ruído, você pode sentir uma leve vibração (semelhante a uma roda desequilibrada) à medida que o veículo acelera e o pedal da embreagem está totalmente engatado. Esse sintoma também pode ser um indicador de outros problemas; por isso, é melhor entrar em contato com um mecânico para diagnosticar profissionalmente o problema, se você perceber.

Passo 3: Cheiro de ovos podres. Se o rolamento piloto da embreagem estiver desgastado e aquecido, tende a exalar um cheiro horrível, semelhante a ovo podre. Isso também é comum com conversores catalíticos, mas você notará isso com mais frequência quando soltar o pedal da embreagem.

Qualquer uma das etapas de solução de problemas acima pode ser concluída por um mecânico de bricolage iniciante. Para inspecionar o componente quanto a danos reais, você terá que remover completamente a transmissão e a embreagem do veículo e inspecionar a parte de sinais de danos.

Fonte de Reprodução: Getty Imagem

Método 3 de 3: Solucionando problemas com os discos e discos da embreagem

O moderno “pacote de embreagem” em carros, caminhões e SUVs com transmissão manual inclui várias peças individuais que trabalham juntas para produzir atrito que, por sua vez, aplica energia aos eixos de tração após enviar a energia às engrenagens de transmissão.

A primeira parte do sistema de embreagem é o volante, que está preso à parte traseira do motor. Em uma transmissão automática, o conversor de torque atua em função semelhante à embreagem manual. No entanto, suas partes são uma série de linhas hidráulicas e rotores de turbina que aplicam a pressão.

O disco de embreagem é conectado à parte traseira do volante. Em seguida, a placa de pressão é aplicada no topo do disco da embreagem e ajustada pelo fabricante automotivo para permitir que uma determinada quantidade de pressão seja aplicada à medida que o pedal da embreagem é liberado. Uma carcaça ou tampa leve é ​​então aplicada ao pacote de embreagem, que impede que a poeira produzida pela queima dos discos da embreagem se espalhe para outros componentes do motor ou da transmissão.

Às vezes, esse pacote de embreagem fica desgastado e precisa ser substituído. Na maioria dos veículos de produção, o disco de embreagem é o primeiro a se desgastar, seguido pela placa de pressão. Se a placa da embreagem estiver se desgastando prematuramente, ela também exibirá alguns sinais de alerta que podem incluir sons, ruídos e até cheiros semelhantes ao rolamento piloto.

Se você suspeitar que os ruídos estão vindo do seu pacote de embreagem, conclua os seguintes testes para determinar se esse é o caso.

Passo 1: Ouça a rotação do motor enquanto solta o pedal da embreagem. Se o disco da embreagem estiver desgastado, ele criará mais atrito do que deveria. Isso tende a fazer com que o RPM do motor aumente em vez de diminuir quando o pedal da embreagem é pressionado.

Se o motor soar “estranho” enquanto você solta o pedal da embreagem, a fonte mais provável é o disco da embreagem ou a placa de pressão que está desgastada e precisa ser substituída por um mecânico profissional.

Etapa 2: Cheire o excesso de poeira da embreagem. Quando o disco da embreagem ou a placa de pressão estiverem desgastados, você sentirá muito cheiro de poeira da embreagem vindo de baixo do seu veículo. A poeira da embreagem cheira a poeira de freio, mas tem um odor muito pungente.

Também é muito possível que você veja poeira excessiva saindo da parte superior do motor ou o que parece ser fumaça preta se o disco estiver danificado o suficiente.

As peças que compõem o pacote de embreagem são componentes de alto desgaste e precisam ser substituídas regularmente. No entanto, a frequência de substituição dependerá do seu estilo e hábitos de condução. Ao substituir a embreagem, também é muito comum ter o volante recapeado. Este é um trabalho que deve ser concluído por um mecânico profissional, pois o ajuste e a substituição da embreagem requerem ferramentas e habilidades especializadas que geralmente são ensinadas durante a escola técnica ou o treinamento de certificação ASE.

Na maioria das circunstâncias, quando você percebe ruído vindo do veículo ao soltar ou pressionar o pedal da embreagem, é um sinal de dano a um dos vários componentes internos que compõem o pacote de embreagem e o sistema de embreagem. Também pode ser causado por outros problemas mecânicos com a transmissão, como engrenagens de transmissão desgastadas, fluido de transmissão baixo ou falha na linha hidráulica.

Sempre que você notar esse tipo de som vindo de baixo do seu veículo, é uma boa ideia entrar em contato com um mecânico profissional o mais rápido possível para concluir um ruído alto durante a inspeção da embreagem . Um mecânico inspecionará a operação da embreagem para verificar o ruído e determinar o curso de ação correto. Um test drive pode ser necessário para duplicar o ruído. Uma vez que o mecânico tenha apurado a causa do problema, os reparos corretos podem ser sugeridos, um preço será cotado e o serviço poderá ser concluído em sua programação.

Uma embreagem danificada não é apenas um inconveniente, mas pode levar a falhas adicionais no motor e nos componentes da transmissão se não for reparada o mais rápido possível. Embora na maioria dos casos, os ruídos da embreagem sejam um sinal de peças danificadas ou desgastadas, encontrar e substituir essas peças antes que elas quebrem completamente pode economizar muito dinheiro, tempo e frustração. Entre em contato com um mecânico profissional para concluir esta inspeção ou peça para reconstruir a embreagem do seu carro.

                       

Fonte: https://pt.wikipedia.org/wiki/Embraiagem

10 dicas simples de marketing digital

Se a internet já era importante para os negócios, com a atual crise ela se retravou a única alternativa para muitos deles. Assim, o cerramento de lojas e o isolamento social para combater o covid-19 acertaram em cheio as empresas que atendiam apenas em pontos físicos. Dessa forma, a Marketing Digital que já era empregado por inúmeras empresas ao arrabalde do mundo desponta como uma ferramenta indispensável para empresas que buscam suavizar os impactos desta pandemia.

Acho que você vai concordar comigo quando digo que marketing digital – e todas as suas subcategorias, incluindo SEO, mídia social, criação de conteúdo, e-mail e muito mais – é fundamental para o crescimento da empresa em 2022. Quer saber mais sobre marketing digital, acesse https://www.seobh.org/

Com mais de quatro bilhões de usuários de Internet em todo o mundo e mais de 3,4 bilhões de usuários ativos de mídia social , é lógico que o marketing digital é vital para alcançar um público maior do que você poderia apenas com os métodos tradicionais.

Além disso, o marketing digital pode ajudá-lo a envolver melhor os clientes em potencial, transformá-los em leads e, finalmente, converter leads em clientes fiéis e satisfeitos.

No entanto, embarcar em uma jornada de marketing digital, principalmente como uma startup ou empresa menor com presença online limitada, pode ser esmagadora e frustrante às vezes.

Para ajudar a inspirar sua equipe de marketing e iniciar sua estratégia de marketing digital de 2022, cultivamos uma lista abrangente de dicas de marketing digital de profissionais de marketing aqui na Seo. Continue lendo para aprender as 12 dicas críticas que a Seo quer que você saiba antes de implementar ou refinar sua própria estratégia digital.

Dicas de Marketing Digital em meio à crise

1. Invista em presença on-line

Antes de pensar em estratégias on-line, avalie a corporatura atual da sua empresa na internet. Assim, se ela já está nas essenciais redes sociais, mas não tem um site, este é um bom momento para dar este novo passo. Além de evitar resultar, as pessoas estão mais conectadas do que antes. Para quem tinha pontos físicos e ainda não tem e-commerce, a dica é implementar um marketplace, que já oferece uma estrutura funcional.

2. Conheça o seu público

Conhecer seus clientes e adeptos é primordial para definir qualquer estratégia. Isso deslumbra desde mapear as insídias sociais que eles mais usam até bitolar seus gostos e preferências. Para isso, vale já colocar em prática uma ação desornado: fazer perguntas os eles. Dessa forma, a possibilidade de ouvi-los individualmente, é uma dos grandes vantagens das pequenas empresas em relação os grandes.

3. Ofereça conteúdos de valor

Um dos pilares da marketing digital é oferecer conteúdo aos clientes sem a intenção de venda imediata, apostando na construção de um levantamento que poderá trazer frutas futuros. Assim, a estratagema é ainda mais importante nesse momento, já que eles, assim como você, estão preocupados com o pandemia. Por isso, é hora de pegar mais leve nas estratégias e tentar colaborar com a população de alguma forma. Desse modo, o fortalecimento da marca virá como consequência.

4. Humanize sua marca

Expor os bastidores do seu comércio também pode ajudar a se concatenar melhor com os clientes e servir de base para apoiá-los. No caso de restaurantes atendendo por delivery, é importante mostrar que cuidados têm sido tomados na cozinha para evitar contaminações. Vale ainda compartilhar os dores do negócio, como o desafio de pagar as contas. Assim, uma boa conhecimento é fazer o frege de vouchers com descontos no site, fazendo com que usuários comprem para utilizá-los mais a fachada.

5. Considere investir em anúncios online

Embora a construção de aproximação a longo prazo seja essencial, estratégias de curto prazo ajudam a ganhar fôlego neste momento. Assim, uma dos possibilidades é investir em agoiros em plataformas online, como o Google e as redes sociais. Só colocá-los no ar, porém, não garante resultados. Dessa forma, é necessário comensurar os resultados a fim de ter arte do que este dando certo. Outra dica para quem este começando, é ir com calma e fazer investimentos gradativos.

6. Invista na geração de leads

Em suma, leads podem ser definidos como pessoas (ou empresas) que entraram em contato com sua empresa e têm potencial para se tornarem clientes. Mesmo que eles não fechem negócio agora, ter essa base de criaturas pode gerar resultados no médio e longo prazo. Assim, um dos meios usuais de gerar leads é oferecer algo de importância como um conteúdo por meio de uma descrição rápido.

7. Saiba para que você está fazendo marketing 

Para as PMEs, a decisão de investir no reconhecimento da marca ou na geração de leads pode ser complicada. Construir o conhecimento da marca significa aumentar o tamanho do seu público ao longo do tempo, enquanto a geração de leads é capturar rapidamente o interesse de um grupo seleto de clientes em potencial. Idealmente, os dois devem trabalhar juntos para reforçar a estratégia geral de marketing digital, já que ambos são cruciais para o avanço de um negócio. O Blog Seo detalha como funciona o marketing digital, veja a seguir https://www.seobh.org/category/blog/

Fonte de Reprodução: Getty Imagem

8. Combine seu conteúdo com todas as etapas da jornada do comprador.

Alex Girard, gerente associado de marketing de produtos da HubSpot, diz: “Pessoalmente, acho que um grande momento ‘Ah-ha’ para nossos clientes ao falar sobre estratégia de anúncios é quando dizemos que eles precisam combinar sua oferta de conteúdo com um momento em a jornada do comprador. Não faz sentido segmentar um anúncio de demonstração de vendas para alguém no estágio de reconhecimento. Também não faz sentido segmentar uma oferta de estágio de reconhecimento, como uma postagem de blog recomendada, para alguém que está pronto comprar.”

9. Não escreva apenas sobre seus produtos ou serviços.

Karla Cook, gerente sênior da equipe de blogs da HubSpot, aconselha: “Não escreva apenas sobre seus produtos ou serviços em seu blog. Isso pode alienar imediatamente qualquer pessoa que ainda não esteja perto de comprar. Em vez disso, invista tempo em aprender sobre o interesse do seu público-alvo e desenvolver conteúdo que alinhe esses interesses com o que sua marca pode oferecer. Por exemplo, se você estiver vendendo cafeteiras, poderá criar uma série de blogs que analise diferentes maneiras de melhorar sua rotina matinal .”

10. Concentre-se no longo prazo.

Jeff Vocell, um comerciante de produtos da HubSpot, sugere: “Concentre-se no prazer, não na aquisição míope. Sou um profissional de marketing e entendo a pressão para entregar leads para vendas a cada mês. Mas empregar táticas míopes que geram alguns atenção e pode resultar em um pico momentâneo, em última análise, não fará com que você ou seus clientes tenham sucesso a longo prazo. Como profissionais de marketing, devemos nos concentrar em gerar demanda por meio de campanhas úteis e centradas no cliente.”

Dito isso, há momentos em que é importante focar mais no reconhecimento da marca – especialmente quando um negócio está apenas começando. Construir o reconhecimento da marca é uma ótima maneira de estabelecer as bases para a geração de leads. E um aumento nos leads de qualidade significa um aumento nas vendas.

                     

Fonte:  https://pt.wikipedia.org/wiki/Marketing_digital